05/04/2017
05:51

Seminário de Gilmar Mendes em Portugal terá Aécio, FHC e Doria

O ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes, também presidente do Tribunal Superior Eleitoral, coordenará, de 18 a 20 abril, a quinta edição de um seminário jurídico em Portugal.

O evento é promovido pelo Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP), do qual Mendes é fundador, e pelo Instituto de Ciências Jurídico-Políticas da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.

O tema deste ano é “Constituição e Governança”.

A conferência de abertura será proferida pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB). A de encerramento caberá ao presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Souza.

Na edição anterior, em março do ano passado, o então vice-presidente Michel Temer (PMDB) fez a exposição de abertura por videoconferência, elogiando o Poder Judiciário e as privatizações da década de 1990.

O seminário de 2016 foi realizado durante os debates sobre o impeachment de Dilma Roussef (PT).

Houve manifestações de protestos no local, quando o senador José Serra (PSDB) foi recebido sob vaias e gritos de “não vai ter golpe”.

Neste ano, o seminário ocorre em meio à expectativa do julgamento da chapa Dilma/Temer, no TSE.

Mendes diz que permaneceria no Brasil se o julgamento não tivesse sido adiado.

TUCANOS

O programa preliminar prevê palestras do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), dos prefeitos de São Paulo, João Dória Junior (PSDB) e de Fortaleza, Roberto Cláudio (PSB), e do presidente do Parlamento do Mercosul, deputado Arlindo Chinaglia (PT).

A primeira versão da programação previa a presença do senador Aécio Neves (PSDB-MG), citado na delação da Odebrecht, mas ele não irá ao evento.

Publicado por: Chico Gregorio

0 Comentários

Deixe o seu comentário!