21/08/2023
08:29

Foto: Henry Romero/Reuters e Rodrigo Buendia/AFP

A candidata de esquerda Luisa González e o empresário Daniel Noboa devem disputar o segundo turno das eleições presidenciais do Equador, previstas para 15 de outubro.

A necessidade de um segundo turno foi confirmada pelo Conselho Nacional Eleitoral (CNE), órgão equivalente ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no país.

A presidente do CNE, Diana Atamaint, informou, com mais de 60% das urnas apuradas, que os resultados já marcavam “uma tendência para garantir que os equatorianos vão a um segundo turno eleitoral”.

Às 1h30 do horário de Brasília, com 87% das urnas apuradas, a candidata Luisa González tinha 33,18% dos votos, enquanto Daniel Noboa alcançava 23,91%. Christian Zurita, substituto do candidato assassinado Fernando Villavicencio, obteve 16,46%.

CNN Brasil

Publicado por: Chico Gregorio

0 Comentários

Deixe o seu comentário!