17/07/2023
08:15

Arma e munições apreendidas pela Polícia da Paraíba

Um homem suspeito de ter assassinado um policial militar no município de Mossoró (RN) foi preso, na sexta-feira (14), por meio do Grupo Tático Especial da Polícia Civil da Paraíba, na zona rural de São João do Tigre, no Cariri paraibano. O crime aconteceu em março de 2018 e segundo a Delegacia de Homicídios de Mossoró, a motivação seria o trabalho de evangelização realizado pelo policial.

De acordo com a Polícia, o suspeito é investigado por crimes cometidos em vários estados do Nordeste e é membro de uma das facções criminosas responsáveis pela onda de crimes recente no Rio Grande do Norte.

Foram apreendidas com o suspeito, uma escopeta calibre 12 e várias munições que teriam sido roubadas no município de Santa Cruz do Capibaribe, há cerca de um ano.

Ao ser abordado pelos investigadores, o homem apresentou documentação falsa na tentativa de não ser capturado.

A prisão foi comunicada à justiça da Paraíba e dos estados onde o preso é procurado pelas polícias.

Relembre o caso

Um sargento da reserva da Polícia Militar foi executado a tiros em Mossoró, na região Oeste potiguar. Segundo a PM, ele foi perseguido por dois criminosos que estavam em uma moto e atiraram várias vezes contra ele.

Ainda de acordo com a PM, a vítima foi atingida por cerca de cinco tiros nas costas e na cabeça. A arma usada no crime era uma pistola.

Pelas informações colhidas inicialmente, a polícia acredita que ele estava desarmado.

g1/RN

Publicado por: Chico Gregorio

0 Comentários

Deixe o seu comentário!