26/04/2017
16:29


O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), minimizou ontem, dia ,25, após almoço com o presidente Michel Temer, ministros e governadores, a decisão da executiva do PSB em fechar questão contra as reformas da Previdência e trabalhista e disse acreditar que ela pode ser revertida.

Segundo Maia, os governadores do partido que estavam no almoço mostraram apoio à reforma previdenciária. “O PSB, o governador Paulo Câmara (PE) esteve aqui e é radicalmente a favor da reforma da Previdência, ele soltou uma nota hoje falando desse assunto. Então, eu não tenho nenhuma dúvida que os deputados do PSB e a própria direção poderão nos próximos dias avaliar com cuidado”, disse.

O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, estava presente. Já o governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, o terceiro que a legenda possui, não compareceu. O governador paraibano tem posição contra as reformas trabalhista e da previdência.

Publicado por: Chico Gregorio

0 Comentários

Deixe o seu comentário!