06/04/2017
07:13

Depois de Caio Blat, outro ator repercutiu o assunto do momento: a acusação feita pela figurinista Susllem Meneguzzi Tonani a José Mayer por assédio sexual.

Em entrevista ao programa “Encontro” de Fátima Bernardes na “Rede Globo”, Oscar Magrini disse que “a mulher também tem que saber se colocar para não instigar o outro”. O ator foi rebatido pela apresentadora.

“Na verdade, é mais do que instigar, né Magrini? É o outro saber que tem que respeitar independente de como ela (a mulher) estiver”.

Antes de concluir sua linha de raciocínio com a frase polêmica, Fátima havia perguntado a Magrini se ele acha que os homens precisam questionar o próprio comportamento e realizar autocrítica a partir do caso José Mayer.

Confira o depoimento de Oscar Magrini:

“Eu acho que não só aqui na Globo, mas em todos os lugares do mundo sempre existiu assédio. Quando a mulher é bonita ou deixa de ser, do cara, ou da própria mulher em cima do homem. Mas assim, minha liberdade termina quando começa a sua. Então, deve ter havido muito assédio, sim. Mas essa menina chegou, se pronunciou, tomaram-se medidas, a Globo veio pedir desculpa. O Zé (Mayer), um colega nosso, também, sabe o que aconteceu e se desculpou. E acho que deve ter tido muita coisa, mas ninguém fala nada… Fica aquele medo: ‘Pô, eu vou falar?! A pessoa é quem é’. Estou falando da Globo, estou falando de uma outra empresa grande, um diretor, um presidente, seja quem for. A corda sempre arrebenta do lado mais fraco, sempre é assim. Então foi ouvido o que aconteceu, tem uma posição como o movimento Mexeu com uma, mexeu com todas. As colegas de trabalho vestiram a camisa, fizeram uma voz. Então, quem sabe se toma providências. Gente, estamos em 2017 e não tem essa de assédio, todo mundo tem o direito de se colocar, de se impor. Não tem essa do homem chegar e fazer… O que é isso? É uma sociedade machista, fez-se tanto tempo lá atrás, mas não existe como chegar agora e eu não te respeitar porque você está mais ousada, de minissaia, e eu tenho que abusar, passar a mão ou falar alguma coisa. A mulher também tem que saber se colocar para não instigar o outro”

As declarações de Magrini foram criticadas por muitos internautas nas redes sociais. José Mayer chegou a divulgar um pedido de desculpas admitindo que errou e assediou a figurinista Susllem Tonani.

Na noite desta terça-feira (4), o também ator Caio Blat chegou a dizer que as atitudes de José Mayer não passavam de uma “brincadeira fora de tom”. Depois da polêmica, até sua mulher foi instigada a se pronunciar. Clique aqui para conferir.

Fonte: Srzd

Publicado por: Chico Gregorio

0 Comentários

Deixe o seu comentário!