16/06/2016
18:24


Por: Rodrigo Ferreira

 lucena

Para o vereador, a delação de Sérgio Machado, que cita a cúpula estadual do PMDB e do DEM no esquema de corrupção da Petrobras, poderá desqualificar a campanha de reeleição do prefeito Carlos Eduardo

A notícia do pedido de saída do ex-deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB) do Ministério do Turismo no governo de Michel Temer foi vista com bons olhos pelo vereador Fernando Lucena (PT). O parlamentar comemorou o fato, exposto no final da tarde desta quinta-feira (16), e cobrou também a punição dos demais envolvidos.

“Notícia boa. Mas não tem que sair só Henrique não, tem que sair o Temer, o Renan e quem mais tiver envolvido nesses esquemas aí. Todos os nossos deputados que foram acusados saíram, então os deles tem que sair também pra manter a coerência. Espero que todos os citados sejam retirados pra que possamos resolver o problema. O pau que bate em Chico também bate em Francisco. O supremo tem obrigação de tirar toda essa corja do poder”, disparou.

Para o vereador, a delação do ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, que cita a cúpula estadual do PMDB e do DEM no esquema de corrupção da Petrobras, poderá desqualificar a campanha de reeleição do prefeito Carlos Eduardo (PDT), membro da família Alves e que possivelmente receberá o apoio destas autoridades políticas.

“Quem é que vai querer o apoio de pessoas como José Agripino, Henrique e Felipe Maia? Ninguém quer. Todos foram citados nas últimas delações. Se Carlos embarcar nessa, não vai ter quem vote nele. Acho interessante que contra o PT tudo era verdade aqui na Câmara, mas agora com eles sempre tem uma explicação. Se eu fosse Carlos, eu não iria querer apoio desses sujeitos, eles estão bichados”, finalizou.

Publicado por: Chico Gregorio

0 Comentários

Deixe o seu comentário!