04/04/2019
11:00

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, saiu pelos fundos de um restaurante, usando um elevador de serviço, nesta quarta-feira (3) para evitar um grupo de anistiados políticos perseguidos pela ditadura militar (1964-1985) que protestava contra mudanças e decisões tomadas pela ministra sobre a Comissão de Anistia.

Instalada no final do governo FHC, em 2002, a comissão tem por objetivo reconhecer e reparar os danos causados pela ditadura. Desde janeiro último, quando assumiu o cargo, Damares tomou diversas medidas que, para os anistiados, indicam o objetivo de desmontar a comissão.

Ela mudou a composição do conselho, inserindo militares ou ex-militares, indeferiu em bloco 265 processos, anunciou uma suposta auditoria e insinuou, sem apresentar provas, que houve danos aos cofres da União.

Publicado por: Chico Gregorio


04/04/2019
10:51

 

Menina do RN que esperava transplante ganha novo coração no Recife

Brunna Silveira Lopes foi transferida para a capital pernambucana, na quarta-feira (3), em um avião da FAB, e passou por cirurgia na madrugada desta quinta (4), no Imip

A garota Brunna Silveira Lopes, de 7 anos, passou por um transplante de coração, na madrugada desta quinta-feira (4), no Instituto de Medicina Integral Fernando Figueira (Imip), na área central do Recife. Na quarta-feira (3), ela foi transferida do Rio Grande do Norte, onde mora com a família, em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB).

A operação de transferência de Bruna mobilizou 20 profissionais de instituições de saúde, bem como policiais militares e rodoviários federais, e contou com o apoio de uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) móvel.

Vítima de uma cardiopatia grave, a garota é mantida viva com a utilização de aparelhos, inclusive um coração artificial. A menina passou por outras três cirurgias, sendo duas nos últimos 15 dias.

Por meio de nota, o Imip informou, na manhã desta quinta, que o coração compatível foi doado na noite de quarta. “No momento, a paciente encontra-se na UTI em estado muito grave”, disse a unidade de saúde.

O Imip informou, ainda, que Brunna foi acolhida pela unidade, depois de o centro de saúde ser acionado pelo Sistema Nacional de Transplantes. Ela entrou na lista de prioridade máxima para doação de coração.

Na quarta-feira, horas antes de o coração compatível ser encontrado, o médico Fernando Augusto Figueira, do Imip, fez um apelo para que as famílias tomem conhecimento sobre a importância da doação de órgãos.

“Para que surjam órgãos compatíveis, é preciso que ocorra a conscientização das famílias de pessoas que morreram e que podem fazer essa doação”, afirmou.

Leia a nota emitida pelo hospital onde foi realizado o transplante:

NOTA À IMPRENSA

A direção do IMIP informa que, após ser acionada pelo Sistema Nacional de Transplante,  a Instituição  acolheu na tarde desta quarta-feira (03), a menor B.L.B., de 7 anos, oriunda de Natal – RN, portadora de uma cardiopatia grave, e com indicação para transplante de coração.

Após surgir um coração compatível na noite desta quarta, a equipe realizou o transplante na criança durante a madrugada. No momento, a paciente encontra-se na UTI em estado muito grave.

ASCOM IMIP

Do G1-Pernambuco

Publicado por: Chico Gregorio


04/04/2019
10:45

Faltam 70 cm para a Barragem da Farinha transbordar

Barragem da Farinha na manhã desta quinta,04.

Segundo informações do Blog do Jordan Bezerra faltam 70 centímetros para a Barragem da Farinha, em Patos, transbordar. É grande a expectativa em Patos, que há muitos anos não vê o manancial transbordando.Segue entrando muita água no manancial e a expectativa é de vê-la transbordando amanhã.

Às seis horas desta quinta-feira (04) faltavam 85 centímetros para o transbordo e agora, às 09h30min faltam 70 centímetros, ou seja, está entrando muita água e os mais otimistas dizem que ela pode transbordar ainda nesta quinta-feira.

Via Folha Patoense

Publicado por: Chico Gregorio


04/04/2019
10:39

Polícia Federal encontrou provas de que houve corrupção entre membros da Delegacia de Homicídios da Capital, o que impediu o esclarecimento da autoria dos assassinatos que envolvem milicianos do “Escritório do Crime” e integrantes da máfia do jogo do bicho no Rio de Janeiro.

Segundo o UOL, duas fontes ligadas ao inquérito da PF, que apura se houve obstrução à investigação sobre a morte da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista Anderson Gomes, confirmaram a informação. O crime aconteceu em 14 de março de 2018.

De acordo com o site, ao menos dois delegados estariam na folha de pagamento do “Escritório do Crime”, e a propina era paga na própria sede da DH, na Barra da Tijuca.

Pelo menos oito inquéritos da DH estão sob análise da PF por determinação da Procuradoria-Geral da República.

NOTÍCIAS AO MINUTO

Publicado por: Chico Gregorio


04/04/2019
06:59

Açude de Coremas pega mais 17 centímetros d'água

Açude de Coremas na manhã desta quinta-feira, 04. (Foto: José Albertino)

O secretário de Meio Ambiente, Pesca e Recursos Hídricos de Coremas José Albertino informou que de ontem (quarta, 03) para esta quinta-feira, 04, o Açude de Coremas pegou mais 17 centímetros d’água. “O açude continua recebendo recarga e de ontem para hoje foram 17 centímetros em sua lâmina e seu volume atual é de 82.920.649 milhões de metros cúbicos segundo a tabela da ANA e do DNOCS”, disse o secretário.

Até ontem o açude estava com 13,62% de sua capacidade e a expectativa é que com essa recarga ele se aproxime ou até passe dos 15%. A AESA ainda não atualizou os dados.

Via Folha Patoense

Publicado por: Chico Gregorio


04/04/2019
06:55

Resultado de imagem para fotos de paulo guedes na ccjO nervosismo no mercado depois do bate-boca entre o ministro da Economia, Paulo Guedes, e deputados da oposição na CCJC (Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania) fez com que o Ibovespa perdesse 2 mil pontos em duas horas. Com a baixa, o principal índice de ações da B3 se descola das bolsas mundiais, que sobem em meio a dados positivos da China e cenário mais favorável para um acordo entre os chineses e os Estados Unidos na guerra comercial.

Às 16h29, o Ibovespa caía 0,79% a 94.629 pontos. Já o dólar comercial sobe 0,44% a R$ 3,8727 na compra e a R$ 3,8737 na venda, enquanto o contrato futuro de dólar para maio tem valorização de 0,4% a R$ 3,876. No caso dos juros futuros, o DI para janeiro de 2021 avança quatro pontos-base, para 7,06%, ao passo que o DI para janeiro de 2023 avança nove pontos-base, para 8,21%.

Segundo o analista da Eleven Financial Research, Carlos Daltoso, o mercado tem seguido ruídos de Brasília de maneira exagerada e os traders não estão gostando das falas de Guedes ao debater a reforma da Previdência. “O cenário-base com o qual o mercado trabalha é o de aprovação da reforma, mas os investidores querem saber quanto do R$ 1 trilhão anunciado pelo ministro em economia será desidratado no Congresso”, afirma. “A volatilidade nesse momento será acentuada, mas é preciso saber distinguir a realidade dos ruídos”, acrescenta.

Na CCJ, Paulo Guedes elogiou o regime de capitalização e se exaltou quando deputados da oposição disseram que o Brasil ficaria igual ao Chile. Para Guedes, o sistema previdenciário atual é insustentável, com a proporção entre contribuintes e aposentados se reduzindo drasticamente por conta do envelhecimento da população.

Com informações Brasil 247

Publicado por: Chico Gregorio


04/04/2019
06:50

Sandra afirmou que entrará com uma representação contra Francisco Azevedo na Secretaria de Segurança e Defesa Social (Foto: Reprodução)

A vereadora, Sandra Marrocos, ocupou a tribuna da Câmara Municipal de João Pessoa na manhã desta quarta-feira (03), para manifestar seu repúdio às declarações de um delegado da Polícia Civil em seu Facebook. O delegado Francisco Azevedo escreveu uma postagem dizendo que “mulher petista é mulher rapariga, safada, rodada, gostosa de transar e fácil de se apaixonar”.

Foi protocolado um voto de repúdio na Câmara de Vereadores contra o posicionamento do delegado. Sandra afirmou que entrará com uma representação contra Francisco Azevedo na Secretaria de Segurança e Defesa Social. Ela chegou ainda a dizer que vai pedir a João Azevêdo a exoneração dele do cargo de delegado.

As declarações do delegado foram rechaçadas por Sandra Marrocos e pelo vereador Marcos Henriques, que é filiado ao PT. Os vereadores consideraram que o delegado utilizou um tom misógino em sua publicação. Eles defendem que a postura explicitada pelo delegado não condiz com o que se espera de um servidor público.

A postagem havia sido publicada no dia 15 de fevereiro, mas foi apagada logo após o pronunciamento dos vereadores na Câmara Municipal de João Pessoa. De acordo com apuração feita pelo ClickPB, Francisco Azevedo integra os quadros do Democratas. Ele já foi filiado ao PT e chegou a ser candidato a deputado federal pela legenda no ano de 2002.

O delegado Francisco Azevedo fez a postagem no intuito de criticar o Partido dos Trabalhadores (PT) e relatou a experiência que teve no partido.

“Ele usou as redes sociais para desqualificar a militância com palavras absurdas. Já nos posicionamos na Casa e vamos tomar atitudes conjuntas. Vamos discutir isso com as mulheres do PT e fora do PT. Esse delegado receberá um voto de repúdio e vamos dar entrada em uma representação contra ele junto à Secretaria de Segurança e Defesa Social e também ao governador João Azevedo. Esse delegado está apenas pregando ódio e desqualificando as mulheres do PT”, disse Sandra.

Via ClickPB

Publicado por: Chico Gregorio


04/04/2019
06:48

O presidente estadual do PT, Jackson Macedo, assina a nota que expressa o repúdio do partido às declarações do delegado (Foto: Reprodução/Facebook)

O Partido dos Trabalhadores (PT) da Paraíba emitiu, nesta quarta-feira (3), uma nota de repúdio à publicação de um delegado da Polícia Civil no Facebook em que ele usa palavras chulas para descrever mulheres petistas.

A postagem havia sido publicada no dia 15 de fevereiro, mas foi apagada logo após o pronunciamento dos vereadores na Câmara Municipal de João Pessoa. De acordo com apuração feita pelo ClickPB, Francisco Azevedo integra os quadros do Democratas. Ele já foi filiado ao PT e chegou a ser candidato a deputado federal pela legenda no ano de 2002.

Confira a nota abaixo, na íntegra:

Nós Mulheres e Homens Petistas da PB, indignadas/os pela forma como fomos atacadas/os em nossa dignidade e moral, repudiamos as postagens realizadas no facebook e a conduta do delegado de Polícia Civil, Francisco Azevedo, que de forma grosseira tenta desqualificar, desvalorizar e humilhar as Mulheres Petistas com palavras de baixo calão, assim como acusando homens e mulheres petistas com o intuito de atacar a honra e a moral.

São posturas como essas que naturalizam o ataque gratuito, o desrespeito e o ódio contra seres humanos, contra quem pensa contraditoriamente a outra pessoa. Essas são atitudes que jamais deveríamos assistir, seja em redes sociais, seja no dia-a-dia de um advogado e, principalmente, de um servidor público, um Delegado de Polícia.

Repudiamos e pedimos ao Governo do Estado total apuração e providências para o afastamento imediato de suas funções, por falta de ética e decoro.

Desta forma, a Direção Estadual do PT, assim como a Secretaria Estadual de Mulheres do PT entrará com uma denuncia coletiva junto ao Ministério Público, à Corregedoria da Polícia Civil e também uma Ação Judicial para as medidas cabíveis.

João Pessoa, 3 de abril de 2019

Zezé Béchade
Secretária Estadual de Mulheres do PT/PB

Jackson Macedo
Presidente Estadual do PT

Via Click PB

Publicado por: Chico Gregorio


04/04/2019
06:44

 

Os procuradores e assessores jurídicos do Município de Caicó se reuniram na data de hoje (03.04.2019) para discutir e planejar a atuação do órgão nos anos de 2019 e 2020.

A reunião foi conduzida pela Procuradora Geral, Mayara Dantas, que apresentou o advogado Síldilon Maia como consultor jurídico, representante do escritório Síldilon Maia Advocacia, contratado para planejar a atuação jurídica estratégica que será implementada.

O consultor afirmou que traçou um plano de atuação junto com a procuradora com o estabelecimento de metas a serem cumpridas em prazos muito curtos (medidas mais urgentes), e outras de médio e longo prazo.

(Veja mais…)

Publicado por: Chico Gregorio


04/04/2019
06:05

A senadora Zenaide Maia participou, na noite desta quarta-feira (03), da reunião da bancada parlamentar do Rio Grande do Norte no Congresso para decidir em votação os novos valores das emendas destinadas ao Estado, diante do corte de R$ 36 milhões de reais imposto pelo governo federal.

Os valores finais para as áreas de Segurança, Saúde e Educação não sofreram cortes, ficaram R$ 40, R$ 30 e R$ 20 milhões respectivamente. Os cortes incidiram sobre Barragem de Oiticica, que reduziu para R$ 40,937 milhões, Rio Apodí R$ 1 milhão e Redinha R$ 1 milhão, nos últimos dois casos, valores praticamente simbólicos para manter aquelas rubricas em aberto para as emendas dos próximos anos.

A senadora Zenaide Maia não ficou nada satisfeita com o critério adotado pela maioria da bancada para estabelecer os novos valores para as respectivas emendas. Zenaide Maia votou por cortes lineares proporcionais para todas as rubricas.

Publicado por: Chico Gregorio


04/04/2019
06:04

As principais entidades científicas e de ensino superior do país criticaram, em carta conjunta, o congelamento de 42% das despesas de investimento do MCTIC (Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações) anunciado pelo governo federal na semana passada.

Segundo elas, áreas importantes como o enfrentamento de epidemias emergentes, a busca por novas fontes de energia e as pesquisas em segurança alimentar podem ser duramente afetadas.

“Se essas restrições orçamentárias não forem corrigidas a tempo, serão necessárias muitas outras décadas para reconstruir a capacidade científica e de inovação do país”, afirma o texto, assinado por Academia Brasileira de Ciências, Conselho Nacional de Secretários Estaduais para Assuntos de Ciência e Tecnologia e Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, entre outras.

O governo anunciou que congelaria R$ 29,582 bilhões das despesas previstas para este ano em razão da revisão do cenário econômico, com menos crescimento e, por consequência, menor arrecadação.

O congelamento representa 23% das despesas discricionárias (manejáveis e, por isso, sujeitas a corte) do governo.

Luiz Davidovich, presidente da Academia Brasileira de Ciências (ABC), afirma que o contingenciamento pode impedir o pagamento de bolsas de estudo de pesquisadores.

Em novembro de 2018, os recursos de 2019 propostos para o CNPq, maior agência de fomento à pesquisa ligada ao governo federal, só conseguiriam garantir seu funcionamento até setembro, de acordo com o então presidente do órgão Marcelo Morales.

Agora, Davidovich afirma que talvez só seja possível pagar as bolsas até julho. O CNPq é responsável por 72,8 mil bolsas de estudos e pelo financiamento de projetos de pesquisas em todo o país.

“Já estávamos no mínimo suportável. Agora, pode ser que quem está estudando fora tenha que voltar e quem está na pós-graduação tenha que procurar outro emprego”, diz.

O CNPq afirma que ainda não recebeu do MCTIC a informação de reflexo do contingenciamento no órgão.

Na educação, o governo congelou R$ 5,839 bilhões, o maior corte em termos absolutos e equivalente a 25% do valor previsto no Orçamento. Em termos percentuais, o maior bloqueio aconteceu no Ministério de Minas e Energia (79,5%). “Um corte desse atinge o país que sofreu com Brumadinho e tem barragens sob risco e impede o desenvolvimento de energias alternativas, elevando nosso atraso na área”, diz Davidovich.

Durante a campanha presidencial, Jair Bolsonaro afirmou que tinham como meta elevar o financiamento para a área não só com recursos públicos mas especialmente com recursos empresariais para que 3% do PIB fosse investido em ciência e tecnologia. Hoje, porém, esse patamar atualmente está perto de 1,5%, com participação maior de recursos públicos. Na Coreia do Sul essa taxa é de 4%, na União Europeia, 3% e, em Israel, mais de 4%.

Segundo Davidovich, a experiência internacional aponta que cada dólar investido nessa área tem retorno de 3 a 8 vezes maior. “A crise é global, mas os países continuam investindo em ciência porque há retorno, porque eles aproveitam janelas de oportunidade e ganham protagonismo internacional, porque produzem seus próprios medicamentos e alimentos mais baratos. O Brasil está na contramão disso, e abrir mão desse investimento é condenar o Brasil a ser um país de 4º mundo.”

O Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, que financia a inovação e a infraestrutura de pesquisa das instituições de ciência e tecnologia, teve mais de 80% de seus recursos contingenciados.

Folhapress

Publicado por: Chico Gregorio


04/04/2019
06:03

Resultado de imagem para fotos de medicos cubanos en brasil

Cerca de 15% dos médicos brasileiros que entraram no Mais Médicos após a saída dos cubanos desistiram de participar do programa nos primeiros três meses.

Dados obtidos pela Folha apontam que ao menos 1.052 médicos que assumiram entre dezembro de 2018 e janeiro deste ano já deixaram as vagas. Ao todo, 7.120 brasileiros ingressaram nas duas primeiras rodadas de seleção abertas após o fim da participação de Cuba no Mais Médicos.

Além desses, a previsão era que outros 1.397 médicos, todos brasileiros formados no exterior, iniciassem atividades até o fim da última semana. O balanço dessas adesões ainda não foi divulgado.

Segundo o ministério, o tempo médio de permanência dos dois primeiros grupos de profissionais variou de uma semana a três meses. Os principais motivos relatados aos municípios para a saída foram a busca por outros locais de trabalho e por cursos de especialização e de residência médica.

Embora desistências já fosse esperadas, o registro de saídas dos médicos em menos de três meses de trabalho preocupa secretários de saúde ouvidos pela Folha. Isso porque, diante da possibilidade anunciada pela nova gestão de mudanças no Mais Médicos, ainda não há data prevista para reposição das vagas.

Enquanto isso, unidades de saúde encaram novo período sem profissionais. Em Embu-Guaçu, interior de SP, oito vagas do Mais Médicos abertas após a saída dos cubanos não têm médico. Destas, quatro chegaram a ser ocupadas, mas foram alvo de desistências.

“Uma das vagas foi de uma médica que apareceu só um dia e não veio mais. Outros três saíram para fazer residência médica”, relata a secretária municipal de saúde, Maria Dalva dos Santos.

Ela conta que as outras quatro vagas chegaram a ter médicos formados no exterior inscritos para atuar, mas os profissionais não apareceramaté a última semana. “Já estamos sem esperanças”, afirma.

Dificuldade semelhante ocorre em Manaquiri, cidade de 22 mil habitantes no Amazonas, onde um posto de saúde que atende cerca de 800 famílias completa dois meses sem médico fixo.

Enfermeiros tentam agilizar o atendimento até a visita semanal de uma médica deslocada de outra unidade. “É uma área de maior vulnerabilidade social. O médico trabalhou por um mês, até que foi chamado para o Exército e optou por ir para a capital”, diz a secretária Maria Luiza Souto. “Aqui, apesar de não ser longe, leva duas horas de barco até Manaus. Precisamos de médicos que fiquem aqui.”

Segundo ela, essa é a segunda vez que a cidade registra dificuldade em ocupar as vagas. As primeiras desistências, diz, ocorreram ainda na época de inscrições, o que acabou por prorrogar o processo.

Souto diz que outros municípios do interior do Amazonas têm enfrentado problema semelhante para fixar os médicos recém-selecionados.

Dados do Ministério da Saúde apontam que o perfil de cidades onde ocorreram as primeiras desistências varia.

O perfil com maior volume de saídas é o de cidades com 20% ou mais da população em extrema pobreza —324 desistências, ou 31% do total. Em seguida estão capitais e regiões metropolitanas, com 209 desistências, ou 20%.

Segundo Mauro Junqueira, presidente do Conasems (conselho secretários municipais de saúde), isso ocorre porque boa parte das vagas nas capitais estão em regiões carentes e com altos índices de violência. “Quando se fala em capital [com vagas no Mais Médicos], não estamos falando nos Jardins, em São Paulo, mas em favelas e áreas mais distantes, onde é difícil ficar com essa violência toda.

FOLHAPRESS

Publicado por: Chico Gregorio


04/04/2019
06:01

O torcedor do ABC que decidiu encarar a noite chuvosa de quarta-feira em Natal saiu do Frasqueirão feliz. Isso porque o time correspondeu em campo e venceu o Santa Cruz por 1 a 0 em jogo válido pela ida da terceira fase da Copa do Brasil. Rodrigo Rodrigues, maior goleador do time no ano, foi o responsável por garantir a alegria dos alvinegros, com tento anotado aos 35 minutos da etapa final.

O JOGO
O primeiro tempo foi de muitas oportunidades desperdiçadas em Natal. Jogando em casa e com o apoio de seu torcedor, o ABC se lançou ao ataque e criou algumas chances. Na primeira tentativa, o gol chegou a sair dos pés do zagueiro Mauricio após cobrança de escanteio, mas a arbitragem anulou o tento pelo camisa 3 estar em condição de impedimento.

Do lado do Santa Cruz, a melhor chance dos 45 minutos iniciais começou dos pés do lateral-esquerdo Carlos Renato. Em rápido contra-ataque, ele deu bom passe direcionado a Augusto. Na hora de dominar, o atacante do time pernambucano acabou escorregando, facilitando a ação do goleiro abecedista Edson, que fez a defesa sem maiores complicações.

No segundo tempo, a primeira grande chance do jogo foi do Santa Cruz. Após jogada em velocidade pelo lado esquerdo, Carlos Renato achou Allan Dias livre na grande área, o camisa 10 do Tricolor, surpreendentemente, acabou errando o chute. Mesmo sem goleiro pela sua frente, chutou pra fora, para desespero dos pernambucanos.

O ABC respondeu pouco depois. Em tentativa de fora da área, Valdemir acertou lindo chute de perna direita e obrigou Anderson a fazer uma ótima defesa. Na sequência, em escanteio, Ivan cobrou e carimbou a trave, quase marcando um gol olímpico no Frasqueirão. O tento alvinegro, no entanto, saiu depois. Aos 35 minutos, Wanderson bateu cruzado, a bola acertou a trave e, no rebote, Rodrigo Rodrigues completou para o fundo das redes. 1 a 0 para o ABC.

Depois do gol, o técnico Ranielle Ribeiro recuou a equipe alvinegra para segurar o resultado e conseguiu. A entrada de Adrian, volante, já nos 10 minutos finais, reforçou o setor defensivo abecedista e o time apenas administrou o resultado. Agora, o time de Natal leva uma vantagem importante para Recife, onde no jogo da volta, agendado para o 10, vai jogar por um empate pra se classificar a quarta fase do torneio.

Via Agora RN

Publicado por: Chico Gregorio


03/04/2019
11:34

247- O presidente Jair Bolsonaro cancelou a instalação de novos radares e de rever a necessidade de aparelhos já em operação nas rodovias federais, o que significará praticamente o fim da rede ainda existente; o sistema de fiscalização eletrônica encolheu de 5,5 mil pontos ativos, em julho de 2018, para cerca de 440 até março deste ano em cerca de 52 mil km de vias administradas pela União; segundo o Dnit, os radares contribuíram para redução de 24,7% no número de mortes nas vias federais entre 2010 e 2016; a medida de Bolsonaro pode prejudicar o pacto firmado pelo brasil com a ONU de reduzir em 50% os acidentes de trânsito entre os anos de 2011 a 2020

Publicado por: Chico Gregorio


03/04/2019
11:13

O prefeito de Caicó, Robson de Araújo (Batata) está em Brasília-DF, onde cumpre uma agenda administrativa em prol do Município e vai buscar novos pleitos para Caicó e viabilizar outros projetos importantes para o desenvolvimento da cidade.

Nesta quarta-feira (03), o prefeito Batata participa de uma extensa agenda e foi recebido pelo secretário Nacional da Previdência Social, Rogério Marinho.

“O secretário Rogério Marinho nos recebeu para tratar das emendas que ele destinou para Caicó enquanto deputado e ver a tramitação e a liberação de recursos, principalmente para a obra de calçamento”, disse o prefeito Batata.

Ainda na agenda do secretário Rogério Marinho com a presença do prefeito de Caicó, Batata Araújo, estão previstas reuniões com o presidente do BNDES, Joaquim Levy, o economista João Maurício Rosal, o presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Glademir Aroldi, o senador Luís Carlos Heinze (PP/RS), além da uma reunião na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara.

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sentadas

Publicado por: Chico Gregorio