12/07/2015
15:34

O  prefeito Haroldo Ferreira de Morais, de 52 anos, do município de Felipe Guerra, conta como em tempo de crise econômica internacional e nacional consegue tocar mais de R$ 10 milhões em obras de infra-estrutura e ter em caixa um fundo de reserva de R$1,6 milhão.

O município de Felipe Guerra tem 5.994 habitantes (estimativa do IBGE em 2014) distribuidos numa área de 268.427 metros quadrados e está localizado na região Oeste do Rio Grande do Norte. Fui fundado no dia 18 de setembro de 1963 entre os municípios de Apodi, Caraúbas e Governador Dix Sept Rosado.

Com densidade demográfica de 22,33 habitantes por quilômetro quadrado, Felipe Guerra teve seu povo enfrentando sérias dificuldades em função de uma série de gestões desastrosas, onde foram comprovadamente desviados milhões dos cofres públicos de forma escancarada.

O atual gestor Haroldo Ferreira, quando assumiu o comando do município no dia primeiro de janeiro de 2013, o encontrou sem qualquer registro, salários atrasados, o então gestor afastado por acusações graves de desvios de recursos públicos e um completo descaso com a estrutura de saúde e educação.

“Eles tinham Felipe Guerra como um curral”, declarou o prefeito Haroldo Ferreira.

Mossoró Hoje.

Publicado por: Chico Gregorio


12/07/2015
15:29

Edital está disponível no site www.sescrn.com.br (Foto: Cedida)

O Serviço Social do Comércio do Rio Grande do Norte (SESC/RN) lançou o edital de agosto para os cursos do Programa de Comprometimento e Gratuidade (PCG) que oferece cursos de valorização social a comerciários, seus dependentes e à população em geral. São 392 vagas, distribuídas em 14 cursos contemplando o público das cidades de Natal, Mossoró, Caicó e Macaíba. As inscrições começaram na segunda-feira, 13, e seguem até dia 24.

Design de sobrancelhas, lembranças para eventos, moda jovem, tortas diversas e artesanato são algumas das qualificações oferecidas. Outro destaque é que do total dos cursos oferecidos, 54 vagas são destinadas aos cursos preparatórios para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM).

O edital completo está disponível no site do Sesc RN, o www.sescrn.com.br.

Após o período de inscrição, ocorre o processo seletivo, que acontece nos dias 24 e 25 e leva em consideração as informações prestadas no ato da inscrição.

Publicado por: Chico Gregorio


12/07/2015
15:25

Nova legislação que regulamenta partos  no Brasil pretende diminuir modalidade  Nova legislação que regulamenta partos no Brasil pretende diminuir modalidade O parto através de cesariana é a principal forma de nascimento de crianças em Mossoró. De acordo com levantamento realizado pelo jornal O Mossoroense, 66% dos partos realizados na cidade, durante a primeira metade deste ano, foi através deste método.

Na semana passada entraram em vigor as novas regras para os partos no Brasil, que estimulam que os partos sejam feitos de maneira natural, utilizando cesarianas somente em casos de risco para a mãe ou para o bebê. Conforme a Agência Nacional de Saúde (ANS), mais da metade dos partos realizados no Brasil são feitos através de cesarianas.

Segundo informações do registro do Hospital da Mulher, entre janeiro e junho de 2015 foram realizados 186 partos, dos quais 138 foram feitos através de cesariana e 48 normais. No ano de 2014, quando o Hospital da Mulher teve uma demanda muito maior, ocasionada pela suspensão das atividades da Casa de Saúde Dix-sept Rosado, foram 1.480 partos cesarianas e 656 naturais.

Publicado por: Chico Gregorio


12/07/2015
15:22

Micro é pequenas empresas fortalecem a economia As micro e pequenas empresas do Rio Grande do Norte contribuíram com um incremento de R$ 13,7 milhões para a economia potiguar em maio deste ano. O montante corresponde ao repasse de tributos, como o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que recai nos cofres do Estado, e do Imposto Sobre Serviços (ISS), repassado aos municípios. O valor é 9,6% maior que o repassado no mesmo mês de 2014. No entanto, a arrecadação registrou uma queda de 2,9% quando analisados os dados de abril passado, quando os pequenos negócios geraram R$ 14,1 milhões em tributos.

Os dados foram divulgados pela Receita Federal recentemente e se referem ao recolhimento de impostos das empresas inseridas no Simples Nacional, o regime que simplifica o recolhimento de pelo menos oito tributos. Esses negócios já repassaram nos cinco primeiros meses do ano, R$ 94,5 milhões aos tesouros estadual e municipais. O valor é 45,8% maior se comparado ao mesmo intervalo do ano passado.
Em maio, a maior parte foi proveniente do ICMS. As pequenas empresas repassaram ao Estado em maio R$ 9,5 milhões. Esse montante foi cerca de 3% menor que no mês anterior quando as pequenas empresas enviaram para o cofre R$ 9,8 milhões. Em contrapartida, os valores são cerca de 4% maiores que os pagos em maio do ano passado, quando foram arrecadados das pequenas empresas R$ 9,1 milhões em ICMS.

Publicado por: Chico Gregorio


12/07/2015
15:17

tuw6i3i

A queda na aprovação da presidente Dilma Rousseff no Nordeste, região que lhe garantiu as maiores votações proporcionais nas eleições presidenciais, é um dos sinais mais eloquentes da crise política que atinge o PT e sua principal representante. Na Bahia, por exemplo, reduto petista, onde a presidente obteve 70% dos votos em 2014 enquanto o candidato do PSDB, Aécio Neves, ficou com 30%, a rejeição à presidente cresce à medida que aumenta o desemprego.

Sob efeitos da Operação Lava Jato, da Polícia Federal, do recuo nos investimentos do governo federal e de paralisia nos programas-vitrine do governo PT, como o Minha Casa Minha Vida, o Nordeste perdeu 152 mil vagas de emprego nos primeiros cinco meses do ano, a maior taxa de demissões de todas as r

Publicado por: Chico Gregorio


12/07/2015
15:14

76r967

Visor Político

Em nota à imprensa, servidores do município em greve afirmam que “o prefeito Carlos Eduardo, em uma atitude ditatorial, não cumpre a Lei da Data-base, propondo reajuste zero, e agora ameaça os servidores que estão lutando pelos seus direitos com corte do ponto”. Como consequência, os trabalhadores do município irão dar uma “resposta” na próxima terça-feira (7), com um acampamento em frente à Prefeitura.

“O Sinsenat acredita que quem penaliza a população é um gestor que obriga as entidades sindicais a decretarem greve todo ano por descumprimento de uma Lei. Deste modo, informa que os servidores não retornarão aos postos de trabalho enquanto a Mesa de Negociação não for instalada e, nela, apresentada uma proposta de índice de reposição das perdas salariais”, afirma o sindicato.

Publicado por: Chico Gregorio


11/07/2015
11:01

“Agora é hora de fortalecer mais ainda nossa greve, cada um aqui tem a tarefa de chamar mais um colega de trabalho. Precisamos dizer ao governo Robinson que essa proposta não contempla a categoria. Enquanto não formos atendidos, continuaremos na luta”, disse Lúcia da Silva, do Sindsaúde.”

Para Simone Dutra, coordenadora-geral do Sindsaúde, a categoria tem se mostrado que não está satisfeita com a resposta do governo. “A greve é um reflexo da recusa do documento que o governo nos enviou. Nossos salários estão muito defasados e isso piorou com a crise econômica e a inflação. Não é justo ganharmos o pior salário da saúde. Vamos insistir em uma resposta sobre o reajuste e ampliar a greve para isso”, afirma Simone Dutra, do Sindsaúde.

Nos três níveis de governo Municipal, Estadual e Federal, os servidores na sua grande maioria, entendem,   que os

recursos disponíveis  seriam apenas pra pagar seus salários, cabe uma pergunta, como fica o resta da população? Seria importante, fazer uma comparação  entre salário PÚBLICO/PRIVADO.

Publicado por: Chico Gregorio


11/07/2015
10:05

O Avião bimotor faz pouso forçado em fazenda no Ceará

Uma aeronave bimotor realizou um pouso forçado por volta das 17 horas desta sexta-feira, 10, em uma fazenda situada na localidade da Lagoa dos Porcos, km 18 da BR-222, em Caucaia. Segundo informações do 12º Batalhão da Polícia Militar (BPM), quatro pessoas foram resgatadas por um helicóptero não identificado.

Segundo o sargento Antenor Angelim, do 12º BPM, que esteve no local onde o avião pousou, uma testemunha informou que quatro pessoas saíram da aeronave com sacolas e entraram no helicóptero. O militar afirmou que não havia indícios no local de que os integrantes do voo estivessem feridos. A Base Aérea de Fortaleza também afirmou que não houve feridos.

Publicado por: Chico Gregorio


11/07/2015
09:43


A fábrica da Honda em Sumaré, região metropolitana de Campinas/SP, está na capacidade máxima de produção, mas ampliou o volume para atender a maior demanda no mercado nacional. A planta da marca nipônica já está fazendo 657 carros por dia contra 540 do projeto original.

Isso porque a montadora precisa atender a alta demanda provocada pelo crossover HR-V, que tem fila de espera de 100 dias para a versão top de linha e 30 dias para a opção de entrada, de acordo com a empresa. Para dar conta do recado, a Honda está usando horas extras para manter o ritmo elevado. Na parcial do mês, o modelo já vendeu 3.028 unidades até ontem, superando em muito o EcoSport, que no mesmo período emplacou 1.686.

Todos os dias os funcionários ficam uma hora e 40 minutos a mais na linha de montagem, que é unificada para todos os quatro modelos feitos na planta (Civic, City, Fit e HR-V), mas o novo crossover representa 40% da produção total. A Honda esperava finalizar a fábrica de Itirapina/SP no final do ano, mas a instalação só deve mesmo ficar pronta em 2016.

Para o HR-V, a Honda investiu R$ 250 milhões nos últimos meses para produzir o modelo em Sumaré e espera elevação de 15% na produção para 2015. No entanto, a empresa depende de Itirapina para poder atender o mercado nacional de forma mais equilibrada. A nova fábrica terá investimento de R$ 1 bilhão e fará inicialmente o Fit, podendo também produzir o HR-V ou qualquer outro modelo da marca.

[Fonte: Estadão]

Publicado por: Chico Gregorio


11/07/2015
09:35

FrancielleGrupo político em representa esse desejo de mudanças externado pelo eleitorado  de Caicó

nas últimas eleições, precisa ficar unido, pois qualquer divisão, beneficiará os grupos poolíticos

tradicionais que mesmo envelhecido, tem seus adeptos. O advogado João Braz, Francielle Lopes,

Vereador Rangel, Médico Salomão Gurgel, possivelmente  Gilberto Costa, devem dialogar, pra se

chegar aos  melhores nomes pra formação  de uma chapa capaz de enfrentar o pleito com chances reais  vitória.

Publicado por: Chico Gregorio


11/07/2015
09:22

Roberto germanoCom o volume de recursos repassados recentemente pelo Governo Federal,  algo

em torno de 5 MILHÕES DE REAIS,      pra   serem    investidos      em obras   de

recapeamento asfáltico em todo o centro da cidade de Caicó, o atual    prefeito

Roberto Germano, independente de apoios  que conseguirá  no pleito do próximo ano,  não pode ser subestimado  pelos seus prováveis adversários, como vem fazendo nos últimos     dias     o  deputado

Vivaldo Costa, numa tentativa de radicalizar processo em torno do verde x  vermelho, pregando que o vermelho sempre vence.

Esse discurso de Vivaldo Costa também tem o objetivo de tentar neutralizar  o grupo político  que representa o novo, comandados pelo  Advogado João Braz, Vereador Rangel, Francielle Lopes, Salomão Gurgel, outras lideranças.

 

 

Publicado por: Chico Gregorio


11/07/2015
08:58

Em 2012, grande parte do eleitorado de Caicó, já demonstrou nas urnas,    um grande desejo de mudançaspolíticas no município.        Roberto Germano naquele momento, desfrutava de grande apoio popular , sendoo vencedor do pleito, entretanto, Hugo Costa, com toda a estrutura política  em torno de seu nome,       como      aex governadora Vilma de Faria, prefeito Bibi Costa, deputado Vivaldo Costa, 13 partidos,   grande números      de vereadores, ficou em terceiro colocada, atrás de Francielle Lopes, que com pouco estrutura consegui surpreender.No ano passado, todos os lideres  políticos tradicionais de Caicó, apoiaram as candidaturas de Henrique Alves,    e Vilma de Faria, os resultados não foram satisfatórios.

Publicado por: Chico Gregorio


11/07/2015
04:37

:

Resultado interrompeu três meses consecutivos de redução no setor; dados divulgados nesta sexta-feira 10 pelo IBGE indicam que as maiores altas foram registradas no Ceará, com 3,6%, Amazonas, 2,6%; em Pernambuco 1,4%; e Minas Gerais, 1,3%.

A produção industrial cresceu em nove dos 14 locais pesquisados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em maio. O resultado interrompeu três meses consecutivos de redução no setor. Dados divulgados hoje (10) indicam que as maiores altas foram registradas no Ceará, com 3,6%, Amazonas, 2,6%; em Pernambuco 1,4%; e Minas Gerais, 1,3%. Tiveram resultados positivos em maio: Santa Catarina (0,7%), Espírito Santo (0,6%), São Paulo (0,5%), Paraná (0,3%) e Rio de Janeiro (0,2%).

Houve redução na produção na Região Nordeste, com queda de 2,2%. Na Bahia, a queda foi de 1%. Foi regitrada redução também no Rio Grande do Sul (1,6%), Pará (1,5%) e Goiás (0,6%).

Publicado por: Chico Gregorio


11/07/2015
04:29

menina

Naquele dia, o almoço era especial. Letícia sentou-se à mesa para comer com a família. Simone, sua mãe, preparou um canelone, um dos pratos preferidos da filha. A data marcava não só o aniversário de 18 anos da jovem, mas uma conquista incomum para um brasileiro: Letícia acabara de ser aprovada em oito universidades americanas.

Apesar de uma condição financeira razoavelmente confortável, o sonho de Letícia Mattos da Silva, filha de pai militar, extrapola a renda familiar. Para conseguir o visto de estudante e poder iniciar o curso, a jovem precisa arrecadar US$ 58 mil, cerca de R$ 186 mil. O prazo terminaria no dia 1º de julho, quando precisava comprovar à Universidade da Califórnia que possuía a verba para custear os estudos e suas necessidades básicas no exterior. Como o valor necessário ainda não foi arrecadado, o prazo se estendeu para 13 de julho.

O montante é referente apenas ao primeiro ano de estudos e cobre as despesas de anuidade, moradia, alimentação, plano de saúde obrigatório e material didático da instituição. “Depois do primeiro ano, tenho mais três pela frente. Vou tentar usar meu desempenho acadêmico para diminuir o valor das taxas junto à universidade”, projeta a jovem.

Se o plano der certo, essa não será a primeira experiência internacional da rondoniense, que há seis anos adotou Porto Alegre (RS) como casa. Em 2013, a estudante foi selecionada em um curso de verão da Universidade de Harvard. Foi quando o orçamento da família apertou. Na época, a menina estudava no tradicional Colégio Farroupilha, em Porto Alegre, com mensalidades que giram em torno dos R$ 2 mil para o ensino médio. “Era um esforço que nós fazíamos para que eu pudesse estudar em uma boa escola. Esse valor já estava fora da nossa realidade, mas meus pais sempre priorizaram a educação e nós deixávamos de gastar em outras coisas”, conta Letícia, filha única do casal.

Além disso, a mãe dela havia sido diagnosticada com câncer em 2008. Desde então, sem emprego, passou por tratamentos e três cirurgias, sem sucesso para a retirada do tumor. A doença da mãe levou a família a expor a situação para a escola e pedir ajuda. O colégio concedeu uma bolsa para Letícia e estornou o valor pago de mensalidades anteriores. Este dinheiro serviu para pagar o programa de dois meses em que Letícia cursou Introdução à Prova Matemática e Fundamentos Contemporâneos da Astronomia, em Harvard.

Terra

Publicado por: Chico Gregorio


11/07/2015
04:22

As equipes do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU) sempre que pode alerta a população da importância de não passarem trotes para a central de atendimentos. O trabalho de conscientização é realizado com frequência nas escolas a fim de promover entre os estudantes a ideia de que quando alguém liga para fazer uma brincadeira pode estar atrapalhando um chamado verdadeiro e causar transtornos a uma pessoa que realmente esteja necessitando de atendimento médico.

Uma constatação feita pelas próprias equipes do Samu é que a maioria dos trotes parte de estudantes nos horários de entrada e saída das escolas. O fato se comprova quando a central registra uma queda no número de chamadas falsas justamente no período das férias escolares.

Publicado por: Chico Gregorio