25/11/2015
06:37

A política é brutal e não perdoa deslize por mais nobre ou urgente que seja.

image

A presidente estadual do PSB, Wilma de Faria, viajou pra São Paulo. Objetivo: fazer uma cirurgia na região do estômago.

Enquanto isso, o deputado Federal Rafael Motta e o estadual, Tomba, aproveitam em Brasília para tomar o PSB da “guerreira”.

O potiguar.

Publicado por: Chico Gregorio


25/11/2015
06:23

IMG_20151124_175258383

Do alto do Santuário das Graças, o Blog registrou uma suave chuva chegando à zona rural de Florânia, em direção às comunidades Umburanas e Serra do Cajueiro.

 

Na Novena da última segunda-feira (23), o Padre Janilson Alves fez orações e pediu a Nossa Senhora das Graças que intercedesse junto a Jesus para que abençoasse o sertanejo com chuvas.

 

Deus já deu um sinal positivo à fé do Pároco e do povo de Florânia.

IMG_20151124_173846555 IMG_20151124_175119314

Publicado por: Chico Gregorio


24/11/2015
17:04

Por Dinarte Assunção

Luciano Ramos requereu auxílio-moradia
Luciano Ramos

O procurador-geral de Contas do Ministério Público de Contas, Luciano Ramos, requereu auxílio-moradia e recebeu vencimentos de quase R$ 60 mil retroativos a setembro de 2014. Os dados constam no portal da transparência da TCE.

Luciano Ramos se notabilizou na matéria ao condenar com veemência esse tipo de auxílio. Em 17 de julho do ano passado, ao pedir a suspensão do auxílio-moradia do Ministério Público do RN, ele julgou que o benefício era “irregular, inconstitucional, lesivo e genérico”.

Naquela ocasião, Luciano solicitava ao TCE que fosse ainda invalidado o pagamento retroativo do auxílio-moradia, a exemplo da maneira que  recebeu o benefício agora.

A reportagem não conseguiu localizar Luciano Ramos e encaminhou para a assessoria de imprensa do TCE as demandas sobre o assunto.

Além de Luciano, outros membros do TCE também se apressaram para embolsar os recursos. Cada um está ganhando retroativamente R$ 59.099,36, exceto a procuradora Luciana Ribeiro Campos, que não aparece como beneficiária.
A lista de beneficiados é a seguinte:

Carlos Thompson Fernandes – presidente do TCE

Gilberto Jales – Conselheiro

Carlos Roberto Galvão – Procurador

Poti Júnior – Conselheiro

Marco Antonio Rego Montenegro – Auditor

Maria Adelia de Arruda Sales – Conselheira

Othon Moreno Medeiros – Procurador

Paulo Roberto Chaves – Conselheiro

Renato Costa Dias – Conselheiro

Ricart Cesar Coelho – Procurador

Tarcísio Costa – Conselheiro

Thiago Martins Gutierres – Procurador

Publicado por: Chico Gregorio


24/11/2015
16:54

Vivaldo costaO deputado Vivaldo Costa durante sua vida pública,  tentou ser prefeito de Caicó em

três oportunidade, foi derrotado DUAS  VEZES, ou seja, um aproveitamento de  33%.

Para as eleições de 2016,  o deputado chegar a anunciar sua pre candidatura a prefeito

coisa que muita gente não levou a sério, tendo em vista, esse retrospecto negativo  nas

eleições anteriores, quando o Papa tentou ser prefeito da cidade,  pra muitos quando

estava no auge da vida pública , imagine agora, quando está em fim de carreira.

Neste final de semana em entrevista, o deputado deixou claro, que pode repensar

a ideia de disputar a prefeitura de Caicó, ficando na Assembleia, cumprindo o mandato que herdou com       o

falecimento do deputado estadual Agnelo Alves, pois em 2014, o Papa ficou como suplente.

 

 

Publicado por: Chico Gregorio


24/11/2015
16:39


As emissoras de rádio AM que desejam migrar para a frequência FM deverão pagar entre R$ 8,6 mil e R$ 4,4 milhões pela adaptação da outorga. Os valores foram apresentados hoje (24) pelo governo, no Palácio do Planalto, e levaram em conta fatores como abrangência, potência das emissoras e indicadores econômicos e sociais dos municípios onde estão instaladas.

O valor mais alto, R$ 4,4 milhões, será cobrado para migração de rádios de grande potência (acima de 100 kilowatts) na Região Metropolitana de São Paulo. O custo mais baixo de migração será de R$ 8,6 mil e valerá para antenas de menor capacidade (até 0,5 kilowatt) instaladas em municípios com menos de 10 mil habitantes. A migração não é obrigatória. A lista com todos os valores será divulgada pelo Ministério das Comunicações esta tarde e publicada amanhã (25) no Diário Oficial.

“Tivemos preocupação de cuidar dos detalhes, discutir tecnicamente toda a parametrização, que envolveu índice potencial de consumo, PIB [Produto Interno Bruto], IDHM [Índice de Desenvolvimento Humano Municipal] e agregamos também a esses critérios a classe de potência de rádios e a população do município onde a emissora está instalada”, explicou o ministro das Comunicações, André Figueiredo. “Chegamos a valores justos”, avaliou.

Publicado por: Chico Gregorio


24/11/2015
09:12

Parque da Cidade

O Ministro do Turismo, Henrique Alves (PMDB), liberou recursos no valor de R$ 149.990,59 para conclusão da Área de Turismo e Lazer Parque da Cidade, em Florânia.

 

O pedido foi do ex-vereador Rogério Laurentino, antigo aliado político da família Alves, que não mediu esforços em procurar diversas vezes o Ministro e enfatizar a importância da conclusão dessa área de lazer para Florânia.

Blog do Tonny  Washington

Publicado por: Chico Gregorio


24/11/2015
09:01

O Tribunal de Contas da União (TCU) suspendeu a abertura de 2460 vagas de medicina em universidades particulares no País por causa de possíveis irregularidades na licitação adotada pela Secretaria de Regulação da Educação Superior do Ministério da Educação (Seres/MEC). O edital prevê a criação de vagas em 39 municípios de 11 estados brasileiros, segundo o procedimento adotado pelo MEC desde 2013, com o Programa Mais Médicos.

A ministra Ana Arraes, do TCU, acatou uma representação da União Educação e Cultura (Unece), que concorria à abertura de 55 vagas em Eunápolis, na Bahia. A medida suspende os atos decorrentes do edital em exame até que o TCU decida a respeito da eventual anulação definitiva dos procedimentos.

Previsto para junho, o resultado final do edital ainda não foi confirmado.

De acordo com a Unece, “a instituição foi afastada da licitação por motivos que ainda não foram esclarecidos” e, segundo o TCU, “argumentou existir uma série de critérios inadequados, aplicados conforme a aludida metodologia, que teriam levado à sua inabilitação”. O certame foi alvo de outras duas representações no Tribunal.

De acordo com a instituição, o MEC modificou datas previstas no edital inicial em uma nota técnica que não foi publicada em Diário Oficial. Além disso, o órgão federal só esclareceu sobre os critérios de seleção quando divulgou o resultado preliminar da licitação, ou seja, depois que as universidades participantes já haviam entregado a documentação para participar do certame.

O critério “capacidade econômico-financeira”, questionado pela Unece, é baseado em uma metodologia concebida pela Fundação Getúlio Vargas (FGV Projetos). A instituição estabeleceu notas de 1 a 10 para avaliar as concorrentes e definiu que pontuações abaixo de 6 não tinham condições de abrir cursos de medicina. O critério, no entanto, não consta da licitação.

O MEC alegou que, se houvesse divulgação prévia, haveria risco de os interessados “maquiarem” as informações. “Acolher tal tese seria o mesmo que admitir que, em todas as licitações públicas, as condições de habilitação só deveriam ser divulgadas depois de entregues as propostas das licitantes”, argumentou a ministra do TCU.

Em nota, o MEC informou que “já adotou todos os procedimentos cabíveis para a revisão da medida cautelar determinada pelo TCU”, cuja publicação data do início do mês passado. A pasta disse também que já prestou as informações pertinentes à ministra Ana Arraes. “No momento, o Ministério aguarda a decisão do Tribunal para anunciar a nova data de divulgação dos resultados”.

UOL.

Publicado por: Chico Gregorio


23/11/2015
19:38

Profeta Gilton Batista,     seridoense  passou a se interessargiltonchuva
pelas experiências desde menino, quando ouvia os avós e
os pais falarem destas práticas, tomando como referência
a flora da caatinga. Foi, então, “tomando gosto” pelo
tema.  As experiências são muito importantes, segundo ele, por que permite reafirmar sua origem no campo e, ao mesmo tempo, prevenir as pessoas de possíveis secas ou de
 grandes invernos  pois, mesmo residindo na  cidade, mantém  uma propriedade rural,
orientando os colegas para tomada de decisões sobre investimentos ou não na agropecuária, dependendo das previsões.
Com toda essas experiência, o profeta Gilton , desafia os meteorologistas, o Ei Niño, que estão prevendo uma
 forte atuação no Nordeste Brasileiro, provocando como isso o quinto ano consecutivo de SECA,  é garante ao
nosso blog , que o ano de 2016, teremos um GRANDE INVERNO no Seridó do RN.
Ainda essa semana, vamos fazer uma consulta ao profeta Max Medeiros , de São João, que trava ao longo
dos anos, uma disputa com Gilton Batista, pra  ver quem consegue acertar as previsões.

Publicado por: Chico Gregorio


23/11/2015
16:52

Blog do Primo

O vereador Júlio Protásio foi mexer com Amanda Gurgel, em resposta ela agora vai caçar os “fantasmas” da Câmara Municipal.

Quem já está com jeito de fantasma preocupado com o desmantelo e andando com um paletó branco, vagando pela Câmara, é o atual presidente, Franklin Capistrano.

Segundo o Portal AgoraRN, os vereadores Eleika Bezerra (PSDC), Amanda Gurgel (PSTU) estão cobrando uma posição oficial do Ministério Público do Rio Grande do Norte acerca da investigação sobre a existência de cerca de 208 cargos fantasmas na Câmara Municipal de Natal. Uma representação assinada pelos vereadores, entregue ao Ministério Público no final de 2013, encontra-se ainda sem um desfecho.

Chamou a atenção a quantidade de cargos lotados na Presidência da Câmara Municipal de Natal. De posse da documentação, verificou-se a existência de seis funcionários fantasmas lotados apenas na Comissão de Finanças. A própria Eleika detectou dois outros funcionários fantasmas na Comissão de Educação. Em seguida, os demais “fantasmas” foram identificados.

Publicado por: Chico Gregorio


23/11/2015
16:46

A Polícia Federal já concluiu a investigação sobre o esquema que fraudou licitações de trens da capital paulista, em sucessivos governos do PSDB, mas o Ministério Público não formalizou denuncia

O principal inquérito criminal que investigou o cartel do metro em São Paulo está fazendo aniversário de um ano. Concluído pela Polícia Federal em novembro do ano passado, a investigação sobre o esquema que fraudou licitações para compras de trens entre 1998 e 2008, em sucessivos governos do PSDB, está parado no Ministério Público Federal. As informações são da Folha de S.Paulo.

Segundo reportagem, o procurador da República responsável pelo caso, Rodrigo de Grandis, ainda não decidiu se apresentará a Justiça denúncia criminal contra os suspeitos, o que resultaria em ação penal contra as 33 pessoas indiciadas pela Polícia Federal. Segundo o procurador, ele ainda aguarda, para a formalização das denúncias, envio de extratos bancários por autoridades estrangeiras que podem comprovar crimes de lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

O ex-presidente da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) Mario Bandeira, o ex-gerente de operações José Luiz Lavorente, e os ex-diretores da estatal João Roberto Zaniboni e Ademir Venâncio de Araújo estão entre os indiciados.

Entre os executivos das empresas supostamente envolvidas, ainda estão os ex-diretores da Siemens, Alstom, CAF, Bombardier, Daimler-Chrysler, Mitsui e TTrans. Na lista, também está o consultor Arthur Gomes de Teixeira, apontado como intermediário de suborno.

O recorte temporal da investigação compreende os governos de Mário Covas, José Serra e Geraldo Alckmin. Na conclusão do inquérito, os indiciados negaram as práticas criminosas.

 

Confira íntegra da matéria

Publicado por: Chico Gregorio


23/11/2015
16:41

Um dos principais candidatos a Prefeitura de São Paulo, com 34% das intenções de voto, o deputado Celso Russomanno (PRB) tem, segundo a Folha de S. Paulo, pelo menos cinco servidores trabalhando em sua ONG – pessoas que são registradas e pagas como funcionários de seu gabinete parlamentar.

naom_561f78092d577
Pagos pela Câmara, servidores trabalham em ONG de Russomanno

Esses servidores estão na folha de pagamento da Câmara, mas trabalham cotidianamente no Inadec (Instituto Nacional de Defesa do Consumidor), entidade particular que existe desde 1995. Porém, Russomanno alega que eles realizam atividades que se relacionam com o funcionamento de seu escritório político em São Paulo.

A ONG tem tem CNPJ e estatuto próprios. A reportagem do jornal foi ao local e constatou que a recepcionista e três advogados que dão orientação jurídica são funcionários públicos. Além disso, a faxineira é oficialmente pertencente ao gabinete do deputado. Os salários pagos pela Câmara variam de R$ 1.095 a R$ 2.595 por mês.

Fonte: Notícias ao Minuto

Publicado por: Chico Gregorio


23/11/2015
16:33

 

A investigação que apura a existência de 208 cargos fantasmas na Câmara Municipal de Natal (CMN) corre em segredo de justiça. É o que afirma o Ministério Público (MPRN) por meio da Promotoria do Patrimônio Público.

Uma vez correndo em sigilo, o inquérito 194/14 só pode ser acessado pelo promotor Paulo Batista, que cuida da investigação, e também pelos advogados dos acusados.

O caso veio à tona em 2013, quando a vereadora Eleika Bezerra (PSDC) pediu um levantamento à Câmara de todos os funcionários e constatou que 208 cargos eram fantasmas, ou seja, funcionários que recebiam, mas não trabalhavam.

Uma representação assinada por alguns parlamentares foi entregue ao Ministério Público no final de 2013, a mesma que agora tramita em sigilo.

Agora RN.

Publicado por: Chico Gregorio


23/11/2015
16:30

 

A conselheira do Tribunal de Contas do Estado (TCE/RN), Maria Adélia Sales, fixou multa pessoal e diária de R$ 500 para o secretário estadual de Administração e Recursos Humanos, Marcelo Marcony Leal de Lima, em caso de descumprimento de diligências solicitadas pela Corte de Contas em processo que investiga irregularidades no quadro de servidores do Executivo Estadual.

O processo apura a existência de servidores com mais de 70 (setenta) anos no quadro de ativos, servidores com mais de 02 (dois) vínculos com a administração pública e servidores com dois vínculos e mais de 60 (sessenta) horas semanais. Mesmo tendo sido notificado em duas oportunidades, o secretário de Administração não enviou ao Tribunal de Contas as informações necessárias para o seguimento da instrução processual.

O último prazo fixado para o secretário Marcelo Marcony Leal de Lima era de 15 dias e foi encerrado no último dia 06 de novembro “sem apresentação de qualquer resposta pelo gestor”. A conselheira Maria Adélia Sales renovou o prazo por mais 15 dias e fixou a multa, “sem prejuízo de eventual medida cautelar de busca e apreensão e/ou pedido de afastamento do cargo”.

“Resta patente o descumprimento à ordem e autoridade deste Tribunal de Contas pelo Secretário de Estado da Administração e Recursos Humanos, que termina por retardar o bom andamento da atividade fiscalizatória buscada nos autos”, aponta a conselheira em decisão publicada no último sábado (21) dentro do Diário Eletrônico do TCE.

Agora RN.

Publicado por: Chico Gregorio


23/11/2015
16:25

Durante sua primeira participação no EvalPartners Global Forum, no Nepal, do qual faz parte a convite da ONU, a a senadora Fátima Bezerra (PT-RN) destacou, nesta segunda-feira (23), a importância de os países mudarem a cultura de políticas descontinuadas para que o cidadão não fique desatendido em momento algum. Neste primeiro dia do encontro, Fátima participou das discussões do grupo temático de criação de um ambiente favorável à implementação da Agenda Global de Avaliação, elaborada para garantir o cumprimento dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. 

Um dos eixos da Agenda Global de Avaliação é o conceito de “no one left behind”, que significa “ninguém é deixado para trás”. Esse conceito prevê que as políticas públicas sejam elaboradas de maneira inclusiva, equitativa e universal, garantindo igualdade de gênero em sua concepção.
Fátima destacou a importância de políticas de busca ativa, que forneça
m aos gestores informações adequadas sobre o estágio de atendimento ao cidadão.

Na parte da noite, a partir das 18h45, horário local (11h, no Brasil), Fátima participou da cerimônia de entrega do prêmio inovações na área de avaliação de políticas e ainda da recepção oficial oferecida pelas autoridades nepalesas.

O II EvalPartners Global Forum está sendo realizado na capital do Nepal, Catmandu, de 22 a 25 de novembro. O evento tem como objetivo discutir, avaliar e monitorar a efetividade das políticas públicas dos países sob orientação da Agenda Global de Avaliação 2016-2020. Entre as áreas que serão estudadas estão: políticas de gênero; políticas da juventude; desenvolvimento sustentável; educação e cultura.

Fátima é a única parlamentar do Brasil no evento; da América do Sul, há apenas mais um deputado da Colômbia. A senadora vai integrar o Fórum Global de Parlamentares pela Avaliação do Desenvolvimento, que será formando durante o encontro, na próxima quarta-feira. Esse fórum, composto por mais de 60 parlamentares de todo o mundo, vai se reunir no Parlamento do Nepal. Um dos objetivos do grupo é avaliar o papel dos elaboradores de políticas públicas e as maneiras como parlamentares podem colaborar com o aprimoramento das políticas executadas em seus países.

Publicado por: Chico Gregorio


23/11/2015
16:18

 

bolsa familia22

Hoje, segunda-feira (23), a Prefeitura Municipal de Serra Negra do Norte, através da Secretaria Municipal de Trabalho, Habitação e Assistência Social, divulgou a lista dos beneficiários e das beneficiárias do Programa Bolsa Família (PBF) referente ao mês de Novembro/2015. A medida atende à Recomendação PRM/CAICÓ nº 115/2015, do Ministério Público Federal, que solicita ao Município que dê publicidade à lista das pessoas que recebem recursos do PBF.

A Prefeitura disponibilizou um espaço de consulta pública no Site Oficial, que será atualizado mensalmente, e fixará as informações no mural de avisos do Centro Administrativo Municipal, no Mercado Público e nos pontos de saques dos benefícios. Dessa forma, o Município garante o princípio da Publicidade na Administração Pública e facilita o controle social por parte da população.

Por Janny Laura.

Publicado por: Chico Gregorio