28/10/2015
08:03

Reviravolta em Ielmo Marinho, o juiz Cícero Macedo, titular da 4a. Vara da Fazenda Pública da comarca de Natal, determinou a citação do promotor público Augusto Carlos Rocha  de Lima e do vereador Tarcísio Júnior, de Ielmo Marinho, para responderem por suposto ato de improbidade administrativa praticado na investigação contra o Prefeito Bruno Patriota.

Em ação judicial, Bruno Patriota aponta uma amizade íntima entre o vereador e o promotor, que está à frente das investigações contra o prefeito e, de acordo com a denúncia,  foi pessoalmente a Ielmo Marinho.

Ainda segundo Patriota, Rocha Lima e Tarcísio Ribeiro Júnior seriam responsáveis por uma armação que levou a Justiça a determinar o afastamento do prefeito de Ielmo Marinho.

Teria nascido de um encontro entre o promotor e o vereador, amigos desde a infância, a ideia mandar o denunciante Luiz Carlos Bidu procurar o prefeito para pedir uma “ajuda” em troca da desistência da ação administrativa movida contra Bruno Patriota.

Ao receber a denúncia, o juiz deferiu o pedido de produção de prova requerida, mandando buscar documentos que possam comprovar a amizade entre o vereador e o promotor. 

Na ação judicial também foi solicitada a quebra do sigilo telefônico do vereador e do promotor.

Acaso seja procedente,  Rocha Lima e Tarcísio Ribeiro Júnior podem ser punidos com a perda do cargo público, suspensão dos direitos políticos, pagamento de multa civil e proibição de contratar com o Poder Público pelo prazo que o juiz fixar.

Blog do BG:

Publicado por: Chico Gregorio


28/10/2015
07:53

AlvaroO governo Robinson Faria aprovou ontem na Assembleia do RN o Pacote Fiscal, dentre os aumentos de impostos, consta a elevação do IPVA, de 2,5% para 3,0%,

um aumento significativo, vejamos um exemplo: um veículo de valor de R$40 mil

Reias, que este ano foi paga  R$ 1.000,00 de IPVA, em Janeiro de 2016, esse valor

passará para R$ 1.200,00, vai pesar no bolso do contribuinte.               Os deputados estaduais  do   Seridó

Álvaro Dias , Nelter Queiroz e Vivaldo Costa votaram a FAVOR DO AUMENTO DE IMPOSTOS>

Publicado por: Chico Gregorio


28/10/2015
07:41

A senadora Fátima Bezerra (PT-RN)  vai propor que parte dos recursos da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), caso aprovada pelo Legislativo, seja destinado à Educação. A informação foi dada, durante audiência pública na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) do Senado, nesta terça-feira, para ouvir o ministro da educação, Aloizio Mercadante.
Fátima informou ao ministro que já apresentou requerimento, na CE, para criação de subcomissão para debater novas formas de financiamento da educação básica após o fim da vigência do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica de Valorização dos Profissionais da Educação, que, pela atual legislação, vigora apenas até 2020. A subcomissão terá como objetivo estudar as formas de aumentar os recursos para a educação básica. Fátima também defende a criação do Imposto sobre Grandes Fortunas, com parte dos recursos também destinados à área de educação. “Queremos que parte desses impostos venham financiar o presente e o futuro da educação brasileira”, destacou.
Durante a audiência, o ministro falou da importância de garantir um orçamento necessário para a realização das metas do novo Plano Nacional de Educação e elogiou a iniciativa da senadora Fátima. De acordo com o ministro, o novo Plano Nacional de Educação (PNE) deve ser o eixo estruturante de todas as ações do Ministério da Educação.  Mercadante ressaltou ainda a importância da Base Nacional Comum Curricular, que deve ser entregue para avaliação do Conselho Nacional de Educação (CNE) até julho de 2016.
Fátima também parabenizou o Ministério da Educação e toda a equipe de funcionários do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, o Inep, que trabalhou na realização do Exame Nacional do Ensino Médio – Enem. “Realizar um exame dessa magnitude, atingindo um grau tão alto de eficiência, merece todo o nosso reconhecimento. O Enem é uma das políticas públicas que reacende a esperança e dá rumo à nossa juventude. Compartilho com vocês a minha alegria de ver, enquanto professora, a sabedoria e a sensibilidade pedagógica da equipe do Enem em escolher como tema da redação a violência contra a mulher. É um tema que aflige não só nossas meninas e mulheres, mas a sociedade como um todo, e nada mais importante do que a escola refletir e debater sobre este tema”, afirmou.

Publicado por: Chico Gregorio


28/10/2015
07:35

A crise chegou, como não poderia deixar de ser, ao governo do RN. Tendo uma frustração de receita de quase um bilhão de reais em 2015, a gestão de Robinson Faria enviou a assembleia um ajuste fiscal, prevendo:

01) aumento de impostos nas alíquotas de Imposto sobre Circulação de Mercadorias Serviços de 17% para 18% e de 2% para gasolina e álcool combustível, serviços de comunicação e bebida;

02) Incremento do Imposto de Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), a alíquota sai de 2,5% para 3%. A emenda que limitava a vigência das novas alíquotas foi rejeitada;

03) E elevação do Imposto sobre Transmissão de Causa Mortis e Doação (ITCMD), que tinha alíquota única e agora será distribuída em faixas. A emenda aprovada em plenário prevê quatro alíquotas para a base de cálculo: de 3% para a base de até R$ 500 mil; 4% para a parcela da base que exceder R$ 500 mil e até R$ 1 milhão; 5% para a parcela da base de cálculo que exceder R$ 1 milhão; e 6% para a parcela da base que exceder R$ 3 milhões.

qgK0dJc

Apesar de prometer diminuir as alíquotas assim que a crise passar, não há prazo estabelecido pelo projeto para o fim do aumento da cobrança. O chamado ajuste fiscal foi aprovado hoje (27) na parte da tarde.

É sempre muito difícil aceitar e defender elevação da carga tributária. Mas acuado pelo crescimento da folha, que chegou aos 54% de todo orçamento e ja tendo utilizado mais de 500 milhões do fundo previdenciário que terá de repor para pagar o funcionalismo, não existiu outra saída.

O governo obteve rápido êxito na aprovação do projeto porque conseguiu sensibilizar a sociedade e entidades de classe. Tanto que a Fecomércio e a Fiern apoiaram a iniciativa por entenderem que o colapso da máquina pública implica a desordem da economia estadual.

Entretanto, a partir de agora irão crescer as cobranças para que a máquina seja enxugada e tornada mais eficiente.

Com a elevação o governo espera arrecadar mais 250 milhões. A conta ainda não fecha. Porém, Robinson Faria espera que a arrecadação volte a crescer em 2016 com o esfriamento da crise. O futuro ainda é difícil.

VITÓRIA NA ASSEMBLEIA

A gestão de Robinson Faria obteve uma grande vitória e um voto de confiança da Assembleia. Apesar das críticas, apenas quatro deputados votaram contra o ajuste fiscal. Dois se abstiveram. O saldo político foi positivo.

O Potiguar

Publicado por: Chico Gregorio


27/10/2015
16:51

Por Thaisa Galvão
Lendo na imprensa mossoroense que o prefeito Francisco José Júnior está propondo a antecipação de royalties do petróleo como forma de arrecadar e tentar driblar a crise financeira na Prefeitura de Mossoró, e que a oposição se posiciona contrária à operação, lembro da gestão da então governadora Wilma de Faria – na imprensa o retrovisor é necessário pra poder contar a história – e recorro aos arquivos do Blog.
Em 2005, o Rio Grande do Norte fechou uma operação de venda direta junto ao Banco do Brasil de R$ 90 milhões dos fluxos futuros com royalties e participação especial na exploração de petróleo. Segundo o secretário de Planejamento do estado, Vagner Araújo, os recursos foram investidos na construção e reconstrução de rodovias estaduais. O estado arrecadou, no primeiro semestre de 2008, R$ 110,56 milhões com royalties de petróleo, 37,43% a mais em relação ao mesmo período de 2007. 
O texto acima é trecho de uma reportagem que foi manchete no jornal Gazeta Mercantil de 29 de agosto de 2008 e repercutida pelo Blog.

A reportagem ainda falava mais: que em sua segunda gestão, a então governadora Wilma de Faria repetia a operação.
A idéia de securitizar as receitas futuras com royalties de petróleo voltou a ser estudada, dizia o texto assinado pelos repórteres Silvia Rosa e Ana Cecília Americano, da Gazeta Mercantil.
A matéria ainda dizia que o governo do estado do Rio de Janeiro também já havia lançado mão da antecipação dos royalties de petróleo por meio de um Fundo de Investimentos em Direitos Creditórios (FIDC) lançado em 2006, no valor de R$ 600 milhões, utilizado segundo o secretário da Fazenda do Rio de Janeiro, Joaquim Levy, para capitalizar o fundo de pensão dos servidores fluminenses, o Rio Previdência.
Olhe aí como o governo do Rio de Janeiro capitalizava o fundo previdenciário…
Pois, pois…

Lendo Mossoró de hoje e relendo o Rio Grande do Norte de ontem, constato mais uma vez que as posições dos nossos políticos vão e vem de acordo com o interesse político-partidário do momento, e não do estado, município ou da população.

É que muitos que hoje criticam a Prefeitura de Mossoró, aplaudiram de pé as duas operações realizadas pela então governadora Wilma de Faria.

Está escrito.

Publicado por: Chico Gregorio


27/10/2015
16:48

papaAssembleia do RN aprovou na manhã de hoje o Pacote Fiscal encaminhado pelo Governador

Robinson Faria, que trata de aumento de impostos, incluindo o IPVA,  ICMS. Foi tido como

surpresa o voto do deputado caicoense Álvaro Dias PMDB que mesmo sendo oposição, votou

à favor do “AUMENTO DOS IMPOSTOS”.

O contribuinte prepare o bolso no momento que for renovar emplacamento de motos e Veículos em 2016,

pois o aumento de impostos aprovados hoje com voto de Álvaro Dias e Vivaldo Costa entra em vigor no início do

ano.

Publicado por: Chico Gregorio


27/10/2015
16:33

No sertão da Paraíba, brota da terra uma das pedras preciosas mais cobiçadas do planeta. Uma riqueza extraída às custas da exploração da mão de obra barata do sertanejo.

Ontem, 26, o Repórter Record Investigação mostrou a região de onde sai uma das pedras mais caras do mundo, a Turmalina Paraíba. Só que, ao mesmo tempo, esse é também um dos lugares mais pobres do Brasil.

O programa revelou como uma organização criminosa roubou milhões em pedras preciosas, maltratou famílias nordestinas e enganou autoridades brasileiras. No comando do esquema, políticos, empresários ricos e poderosos.

Os repórteres da Rede Record, dentre eles o paraibano Wendell Rodrigues, foram à procura de políticos, empresários ricos e poderosos envolvidos com a Máfia da Turmalina. Durante a reportagem é dado um grande destaque ao vice-prefeito de Campina Grande e irmão do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), Ronaldo Cunha Lima Filho, no qual cita uma ligação telefônica entre o vice-prefeito do PSDB com um dos envolvidos na máfia da Turmalina. A matéria dá destaque que Ronaldo está sendo investigado pelo Ministério Publico Federal (MPF).

Em busca de outro minério, o caulim, que é muito menos valioso que a Turmalina Paraíba, garimpeiros trabalham em condições desumanas. Eles abrem túneis improvisados embaixo da terra e são conhecidos como os “homens-tatu”.

A equipe também vai atrás dos acusados de explorar ilegalmente a Turmalina Paraíba. Com produção de Daniel Motta, edição de Guilherme Zwetsch, reportagem de Wendell Rodrigues, Cíntia Godoy (correspondente na Ásia), e Aguiar júnior, participação de uma grande equipe de produção de imagens, edição, sonorização e arte; e apoio da TV Correio e da TV Leste de Minas Gerais.

 

Publicado por: Chico Gregorio


27/10/2015
16:25

Ontem (26), a Prefeitura Municipal de Serra Negra do Norte, através da Secretaria Municipal de Trabalho, Habitação e Assistência Social, abriu a IV Semana de Valorização da Pessoa Idosa, que se estenderá até a próxima quinta-feira (29). Na Praça Senador Dinarte Mariz, os integrantes do Grupo de Idosos Ativa Idade participaram do concurso de Mais Bela Voz, de desfiles e de recitações de poesias. O encerramento foi feito com música e dança ao som de um trio de forró. Segue a programação completa:

  • 27/10 (Ter) – 8 às 14h – Dia de lazer na Chácara Ninho Verde, em Vista Serrana/PB.
  • 28/10 (Qua) – 8h – Momento Saúde, com atendimentos de atenção básica de enfermagem e nutrição, no CRAS.
  • 29/10 (Qui) – 8h – Dia de Beleza, com cabeleireiros, manicure, pedicure e maquiadores, no SCFV.
 
Att,
Janny Laura Araújo de Medeiros

Publicado por: Chico Gregorio


27/10/2015
16:19

A cidade de São Fernando, no Seridó do Rio Grande do Norte, realiza neste final de semana, a 15ª Edição da Festa das Princesas. Segundo a prefeitura, é a última edição do evento, criado para homenagear todas as jovens da cidade que completam 15 anos de idade a cada ano.

Na última edição do evento, a organização vai reunir uma princesa representando cada ano das últimas 15 edições. “Será a chance da mulher que hoje tem mais de 20 ou até 30 anos, reviver seu próprio aniversário de 15 anos”, explica o secretário municipal de Ação Social, Antônio Dantas Neto, que organiza o evento.

Segundo Antônio Neto, a “Noite das Princesas”, como também é chamada, festeja a época da fase da vida da mulher em que ela se transforma em menina-moça. “Muitas jovens não conseguem realizar a tão sonhada festa de debutantes. A Noite das Princesas é bem democrática, e dá a chance a essas jovens de 15 anos, inclusive de famílias carentes, de realizarem o sonho de comemorar seus 15 anos em grande estilo”, diz o secretário.

Como em qualquer noite de debutante, na Festa das Princesas cada aniversariante tem direito de levar seus convidados e recebe um vestido. “Ela vai ser recebida por um padrinho, que pode ser um irmão, o próprio pai ou o primeiro namorado. Fica a critério da homenageada”.

Após as comemorações, a Noite das Princesas também vai contar com uma festa-baile. A partir das 22h, o show fica por conta das atrações locais Bené & Filhos (São Fernando), Max & Banda Estrelar (Caicó). Tudo ao ritmo dos anos 60, 70 e 80.

A 15ª Noite das Princesas será realizada neste sábado (31), a partir das 20h, no São Fernando Esporte Clube. São Fernando fica bem pertinho de Caicó, a 18km, cerca de 15min de carro. De Natal, fica a 295km de distância.

Agora RN.

Publicado por: Chico Gregorio


27/10/2015
16:16

 

O juiz Bruno Lacerda, chefe da Divisão de Precatórios do Tribunal de Justiça do RN, compareceu hoje à Comissão de Constituição de Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa, ocasião em que listou o montante de recursos que o Rio Grande do Norte deve aos seus credores.

O juiz informou que o RN tem até o dia 31 de dezembro para realizar a quitação de R$ 38 milhões. Dos débitos específicos de 2015, foram pagos R$ 3 milhões até o momento, restando ainda cerca de R$ 25 milhões à pagar. O magistrado computa que em 2013 foram pagos cerca de R$ 4 milhões e que ainda há débito de cerca de R$ 13 milhões referentes ao ano de 2014.

Com vistas a atenuar os débitos devidos pelo Estado, os parlamentares já discutem um projeto de lei para que seja criada uma Câmara para Conciliação de Débitos, a exemplo de outros estados.

Precatórios

As dívidas de entes públicos resultantes de ações judiciais são pagas por meio de precatórios, ou seja, ele é o instrumento utilizado para o pagamento das dívidas contraídas pela União, Estados, Municípios, Autarquias e Fundações, fazendo incluí-las no orçamento público. São pagos pela ordem cronológica, excetuando-se as preferências previstas na Constituição, como os de natureza alimentícia ou cujo credor tenha idade igual ou superior a 60 anos.

Agora RN.

Publicado por: Chico Gregorio


27/10/2015
16:12

 PortalnoAr.
Advogado ficou quatro horas preso por engano (Foto: Divulgação)
Advogado ficou quatro horas preso (Foto: Divulgação)

Um advogado foi vítima de um comentário malicioso de uma juíza dias depois de ficar quatro horas preso por engano. Um mandado de prisão emitido com o nome errado fez com que um advogado de Indaiatuba, no interior de São Paulo, fosse preso no lugar do seu cliente.

O presidente da Comissão de Direitos e Prerrogativas da Ordem dos Advogados do Brasil em São Paulo (OAB-SP), Ricardo Toledo Santos Filho, em entrevista ao portal r7.com, disse que  o documento foi entregue à polícia, que cumpriu a “ordem”. Mas, o defensor, que não quer ter o nome revelado, percebeu que era o cliente que deveria ir para a cadeia e não ele.

“Ele se rebelou, naturalmente. A ordem era indevida, era ilegal. Ele tentou argumentar, pediu para ligarem na vara. A polícia usou de truculência e o levou à delegacia. Lá, ele acionou os colegas que foram sanar esse erro. Ele ficou quatro horas preso enquanto isso”, comenta.

Santos ainda fala sobre o comentário feito pela juíza da 1ª Vara Cível de Indaiatuba durante uma audiência. “Alguns dias depois, uma autoridade do fórum fez chacota desse fato. Falou, “foi só um advogado preso? Deveria ter sido a classe toda”.

Para o presidente, “isso aí não pode acontecer. O erro está caracterizado. Não aceitamos isso de jeito nenhum. O autor dessa afirmação jocosa, irônica e ofensiva a uma classe vai responder sim pelos danos morais, e na esfera criminal e disciplinar”.

Por meio da assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça de São Paulo, a juíza disse que no mesmo dia em que o advogado foi preso, comunicou o erro à Corregedoria-Geral de Justiça. Um procedimento foi instaurado para apurar o fato. Sobre as supostas declarações, a magistrada nega que tenha feito qualquer comentário ofensivo à categoria.

A OAB-SP apura os fatos. Até o momento, não há explicação para o mandado de prisão emitido em nome do advogado e não do réu. Pessoas que estavam na audiência também estão sendo ouvidas pela comissão da Ordem para comprovar a “piada” da magistrada.

Publicado por: Chico Gregorio


27/10/2015
16:06

Por Dinarte Assunção

Votação no Plenário acontece nesta terça (Foto: Dinarte Assunção)
(Foto: Dinarte Assunção)

Os deputados estaduais aprovaram o pacote de ajuste fiscal enviado pelo Governo do Estado à Assembleia Legislativa.  Dos 19 presentes, apenas cinco, Márcia Maia, Hermano Morais, Getúlio Rêgo, Kelps Lima e George Soares, votaram contrários à proposta.

Foram aumentados os seguinte impostos: ICMS – o principal do setor de comércio – ITCMD – que trata de transmissão de bens, como herança – e IPVA – o de propriedade automotiva. Todas as mudanças passam a vigorar a partir de fevereiro. Com o pacote fiscal, o governo, autor do projeto, espera minimizar os efeitos da crise econômica e arrecadar R$ 20 milhões por mês só a partir do conjunto de medidas aprovado na Assembleia.

O pacote fiscal chegou a ser emendado nas comissões, com uma proposta que previa fixar o tempo de vigor das novas alíquotas. A sugestão era que o tempo fosse de 48 meses. Na sessão desta terça-feira, no entanto, o conjunto de medidas foi aprovado sem definição de tempo.

As novas alíquotas passam a vigorar com o seguinte índice:  para o ICMS, a proposta prevê o aumento da alíquota básica de 17% para 18%. Quanto a produtos específicos, como armas e munições, bebidas alcoólicas – exceto aguardente de cana ou de melaço, cigarros, fumos e seus derivados, cachimbo, cigarreiras, piteiras e isqueiros e demais artigos de tabacaria -, fogos de artifício, perfumes e cosméticos passam de 25% para 27%.

Para o ITCMD, ficou definido  3% para a base de até RS 500 mil; 4% para a parcela da base que exceder R$ 500 mil e até um milhão de reais; 5% para a parcela da base de cálculo que exceder R$ 1 milhão: e 6% para a parcela da base que exceder R$ 3 milhões. Já o IPVA passou de 2% para 3%.

Publicado por: Chico Gregorio


27/10/2015
08:18

Por Paulo Nogueira.

A informação realmente importante é que 23% disseram que votariam com certeza em Lula em 2018. Aécio, o segundo colocado, ficou oito pontos atrás.

Quer dizer.

Com toda essa caçada a Lula promovida pela mídia, eis que ele está com larga margem na frente.

Um dos raros bons jornalistas políticos do Estadão, José Roberto Toledo, disse tudo: “Está explicado por que o fantasma do terceiro mandato assombra a oposição.”

A pesquisa é uma brutal cacetada na imprensa e em seus colunistas. O grau de persuasão de jornais, revistas e articulistas é pateticamente baixo.

Lula era para estar abaixo de zero, se a voz da mídia fosse levada a sério pela sociedade.

Particularmente, não me impressiono, dada a ruindade de classe mundial da imprensa brasileira e seus colunistas.

Você imagina o que vai acontecer quando Lula estiver, de fato, em ação.

Pense como seria um debate entre ele e Aécio.

Se a direita brasileira fosse inteligente, veria que o caminho é outro para conquistar corações e votos.

O brasileiro não é idiota, mas é tratado como tal por jornais e revistas.

Agora mesmo na pesquisa.

Para fugir dos 23% de Lula, o Globo deu no título sua rejeição de 55%.

Mas um momento.

A rejeição de Marina, a boazinha, subiu de 30% para 50% em um ano. A de Serra, com ele mudo, está em 54%. A de Alckmin, em 52%.

E Aécio já chegou a 47% de rejeição, cinco ponto mais do que ele tinha na época da eleição em que foi derrotado.

Leia-se assim: tudo que Aécio conseguiu, nesta louca cavalgada pelo golpe, é ser mais rejeitado entre os brasileiros.

Mas a notícia do dia, e da pesquisa, é Lula.

A mídia vai continuar a tentar matá-lo.

Lula é, no entanto, desde já, o favorito disparado para 2018.

Publicado por: Chico Gregorio


27/10/2015
08:09

A Ordem dos Advogados do Brasil – Subseção de Caicó/RN vem a público manifestar irrestrita solidariedade e indignação em relação ao episódio ocorrido com a advogada Victoria Jackeline de Araújo Lima, na madrugada do último dia 24, que foi publicamente agredida, gratuita e covardemente pelo senhor Sérgio Lucena.

A OAB Caicó, objetivando sempre a construção de uma sociedade igualitária, livre de qualquer forma de discriminação e violência, reafirma sua total repulsa a todos os anos de subjugação das mulheres, e, com maior rigor, os que também atentam contra a advocacia e cidadania feminina.

Por esses motivos, não medirá esforços para a imediata apuração dos fatos e punição em todas as esferas competentes, a fim de que ações semelhantes sejam desestimuladas, intimidadas e rechaçadas, por inconcebíveis que são nos dias atuais.

Caicó, 26 de Outubro de 2015

Roberto Lins Diniz
Presidente

Publicado por: Chico Gregorio


27/10/2015
07:58

Mais caso de corrupção gravíssimo para o Ministério Público Estadual junto com a Policia Civil ou Federal investigar no município de Macaú, região da Costa Branca do Rio Grande do Norte, já famosa por cassações de prefeito, desvios de recursos públicos através de contratações superfaturadas de bandas para o Carnaval, entre outras modalidades de corrupção detectada nos últimos 10 anos.

O empresário Juliano Gerônimo Lima da Silva, representante da Organizacional Assessoria e Associados, de Natal, acusa o vice-prefeito, o advogado Einstein Albert Siqueira Barbosa e o ex secretário de Tributação da Prefeitura de Macau, Leandro Nunes de Araújo, de comprar notas fiscais a ele por 1,500,00, preencher como se tivesse prestado serviços na ordem de R$ 40 mil e desviado os recursos públicos da Prefeitura de Macau.

O desvia teria sido em 2013 e chegou ao conhecimento público, porque supostamente Einstein Albert não teria pago ao empresário Juliano Gerônimo o valor de R$ 1.500 combinado por cada nota fiscal. A empresa Organicazacional Assessoria e Associados tinha um contrato no valor de R$ 160 mil com a Prefeitura de Macau para ser pago em sete prestações. Destas sete prestações, Juliano Gerônimo diz que quatro foram pagas.

Só que o referido empresário Juliano Gerônimo ficou no prejuízo. Não teria recebido a parte dele no esquema. O mesmo explica que o dinheiro era pago pela Prefeitura de Macau através de transferência bancária, depois ele ia ao banco, sacava e entregava o dinheiro a Leandro Nunes de Araújo, que seria o secretário de Tributação de Macau à época, indicado para o cargo pelo vice-prefeito Einsten Albert, então aliado do prefeito Kerginaldo Pinto.

Agora RN

Publicado por: Chico Gregorio