15/12/2018
12:32

A ONG Atini, fundada por Damares Alves, futura ministra de Mulher, Família e Direitos Humanos, é alvo de indigenistas e Ministério Público, que falam em tráfico e sequestro de crianças e incitação ao ódio contra indígenas.

A Atini é acusada de, sob um falso selo humanitário, explorar um assunto de grande comoção pública —o infanticídio de crianças indígenas— para legitimar sua agenda

A Polícia Federal pediu, em 2016, informações à Funai (Fundação Nacional do Índio) sobre supostos “tráfico e exploração sexual” de indígenas —despacho da fundação cita a Atini e outras duas ONGs.

A Funai, a partir de 2019, ficará sob guarda da pasta chefiada por Damares, que prometeu pôr em sua presidência alguém que “ame desesperadamente os índios”. O processo sobre as organizações ainda tramita no órgão.

A Atini – Voz Pela Vida, entidade sediada em Brasília e que teve a futura ministra entre os fundadores, em 2006, diz que, com seu trabalho, já salvou ao menos 50 crianças em situação de risco, algumas delas enterradas vivas.

Segundo a advogada da entidade, Maíra de Paula Barreto Miranda, o problema da matança de crianças é real e não deve ser justificado pelo relativismo cultural nem desmerecido por ativistas.

Damares se afastou da Atini em 2015. Hoje funcionária no gabinete do senador Magno Malta (PR-ES), ela prestava assessoria jurídica à bancada evangélica no Congresso.

Há atualmente ao menos três ações judiciais contra a Atini. Uma delas corre em segredo de Justiça numa vara federal em Volta Redonda (RJ).

No documento, ao qual a Folha teve acesso, a peça central é uma indígena de 16 anos da etnia sateré-mawé que foi levada para uma chácara da Atini em 2010, pelo tio materno (que a registrou como filha) e sua esposa. Ali engravidou de um rapaz de outra tribo.

Segundo os procuradores, o casal que depois adotaria seu bebê diz que a adolescente “portava transtornos mentais e possuía histórico de maus-tratos pelos pais, o que teria motivado a ONG a retirá-la do convívio com os índios”.

Afirma ainda que a a jovem teria “atentado contra a vida da filha por duas vezes”.

O Ministério Público pede o retorno da criança para a mãe, que já retornou à sua tribo, no Amazonas. A criança está hoje sob tutela provisória do irmão de uma das donas da Atini, Márcia Suzuki.

Para os procuradores, a história “foi retorcida e distorcida até fazer parecer uma adoção comum de uma criança vulnerável de mãe incapaz por um casal de classe média de Volta Redonda”. Seria, no entanto, “mais um exemplo da atuação sistemática desses grupos missionários contra os povos indígenas e seus modos de vida, com o fim de fazer valer unilateralmente a concepção daqueles sobre a destes”.

Adotar menores alegadamente em situação de risco é algo comum entre pessoas ligadas à Atini. Damares Alves é mãe de uma criança indígena.

A filha adotiva de Márcia Suzuki se chama Hakani, mesmo nome de um filme que enfureceu indigenistas e motivou outras duas ações do Ministério Público, em Brasília e Rondônia. É um docudrama (misto de ficção e documentário) sobre uma menina suruwahá que teria sido resgatada por missionários após ter sido enterrada viva pelo irmão mais velho, numa cova rasa.

O site da Atini resume sua saga assim: “Nos primeiros dois anos, ela não se desenvolveu como as outras crianças, não aprendeu a andar, a falar. Seu povo começou a pressionar seus pais para matá-la”. Eles, incapazes de sacrificá-la, teriam preferido se suicidar.

Uma liminar proibiu a veiculação de “Hakani” após pedido do Ministério Público. A produção é classificada como “mais um elemento da campanha difamatória em face dos índios brasileiros, bem como uma justificativa para a atuação religiosa e missionária das organizações em aldeias”.

Já a ação em Rondônia se deve ao fato de a produção ter escalado como atores crianças do povo karitiana, que nem sequer tem o infanticídio como hábito cultural.

Segundo a tradição desse povo, o corpo não pode entrar em contato direto com a terra. Portanto, a criança enterrada viva para a encenação teria perdido sua alma. Desde então, os karitianas acreditam que a comunidade está em desgraça, segundo o MPF.

Miranda, advogada da Atini, diz que até crianças que nascem com defeitos congênitos, como um dedinho grudado, são assassinadas em algumas etnias. Segundo ela, mortes de gêmeos ou por suspeita de mãe adúltera ou estuprada também acontecem.

Em audiência pública de 2017, Damares já chegou a estimar esse número em mil mortes por ano, sem dar a fonte da informação. Em dois anos, foram registradas 96 mortes de indígenas de até seis dias de idade em Roraima e Amazonas, numa área com tribos que mantém a prática, segundo o Mapa da Violência 2015.

“Quando falo que a mãe indígena ama o filho, não quer mais que o seu filho seja morto porque tem uma deficiência, acusam-me de incitar o ódio e o racismo. Imaginem até onde isso vai”, disse a futura ministranaquela audiência.

Vem daí o lobby da Atini pela Lei Muwaji, aprovada na Câmara em 2015 e que depende de aval do Senado. A proposta visa combater práticas tradicionais nocivas em comunidades indígenas, como infanticídio, estupro individual ou coletivo e escravidão.

O nome vem de uma mãe suruwahá que, segundo a Atini, procurou missionários evangélicos para impedir a sentença tribal de morte por envenenamento para a filha nascida com paralisia cerebral.

Indigenistas e procuradores concordam num ponto: a matança de crianças em aldeias é hoje raro.

“Exagerar os relatos de práticas nocivas é uma técnica usada há muito tempo para minar os direitos dos povos indígenas e justificar o roubo de suas terras”, diz à Folha Fiona Watson, diretora da ONG Survival International.

Para Felipe Milanez, professor de Humanidades na Universidade Federal da Bahia, criar tamanha celeuma seria “como dizer hoje que ‘o cristão queima mulher’” porque, no passado, a Igreja Católica promoveu a Inquisição.

A advogada da Atini rebate: o que a ONG combate é “condicionar a titularidade dos direitos humanos ao local de nascimento da pessoa”, ou seja, o menor não pode ser morto só porque sua cultura permite. Sobre o filme “Hakani”, afirma que proibi-lo é censura.

Folha tentou falar com a futura ministra Damares Alves, mas não foi atendida.

Da FSP

Publicado por: Chico Gregorio


15/12/2018
12:16

O valor do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos (DPVAT) cairá em 2019 – veja AQUI. Que excelente notícia, hein?

Mas agora vamos à má notícia.

Valores estão definidos para cobrança a partir do próximo ano no RN (Reprodução)

O Diário Oficial do Estado (DOE) já teve publicação esta semana, de convênio firmado entre Corpo de Bombeiros Militares do RN (CBMRN) e Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN/RN), formalizando outra obrigação financeira para os proprietários de carros/motos/caminhões etc.

A partir de 2019 será cobrada uma taxa de proteção contra incêndio, salvamento e resgate em via pública, para veículos automotores (veja AQUI).

Os valores arrecadados terão destinação vinculada, sendo utilizados exclusivamente para a manutenção e execução operacional do CBMRN.

Via  Blog Carlos Santos

Publicado por: Chico Gregorio


15/12/2018
11:58

Resultado de imagem para fotos de nuvens carregadas de chuva

No Ceará, foi registrada chuva em 44 municípios entre as 7h desta sexta-feira (14) e as 7h deste sábado (15), de acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). As maiores foram em São Gonçalo do Amarante, com 104,0 milímetros, seguido de Amontada (85 mm) e Senador Sá (70 mm). Fortaleza também amanheceu com chuva – o posto de precipitação do Pici marcou 7,2 mm.

Na capital cearense, foram registrados 24 milímetros, no Posto Pluviômetrico de Água Fria.

As precipitações aconteceram também nos municípios de Meruoca, Paracuru, Itarema e Maranguape.

Previsão

Para este sábado, a previsão é de precipitações no centro-norte do Ceará. Nas demais regiões, há possibilidade de chuva, inclusive na capital cearense. No domingo (16), nebulosidade variável com chuva em todas as regiões. Análise de imagem realizada pelos meteorologistas da Funceme aponta nebulosidade sobre o Estado neste momento provocada por áreas de instabilidade que se formam sobre o oceano e se deslocam em direção ao continente.

“Já havíamos indicado que, após dois dias de chuvas escassas, condições mais favoráveis iriam se formar neste fim de semana. Hoje, observamos que a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) aproximou-se da costa do Ceará e, entre domingo e segunda, a umidade do ar nos níveis médios da atmosfera fique ainda mais alta, colaborando para precipitações”, explica o supervisor da Unidade de Tempo e Clima da Funceme, Raul Fritz.

Apesar da previsão realizada para hoje e os próximos dois dias, a instituição recomenda o acompanhamento das atualizações por meio do site da Funceme e/ou através dos aplicativos como o Funceme Tempo, disponível gratuitamente para Android e iOS.

Via Diário Nordeste.

Publicado por: Chico Gregorio


15/12/2018
11:48

247- O filósofo Roberto Mangabeira Unger, da Universidade Harvard (EUA), guru do candidato derrotado do PDT à Presidência da República, Ciro Gomes, reconhece que foi um erro não ter se aliado a Lula; “Ciro e nós, seus aliados, cometemos um erro. Havia dois caminhos. Um era acertar-se com Lula e com o PT. Aceitar ser vice de Lula para depois virar cabeça de chapa. Havia objeções a isso, devido à diferença entre os projetos para o país e à falta de confiança nos acertos do PT, que tem uma longa história de dar rasteiras. Esse caminho tinha uma consistência tática”

Publicado por: Chico Gregorio


15/12/2018
11:36

A 1ª Mostra Gastronômica e de Artesanato dos cursos PRONATEC da EAJ/ UFRN foi realizada nesta sexta-feira ( 14/12) em frente ao mercado público e foi sucesso.

A mostra fez parte do encerramento oficial dos cursos de Padeiro, Salgadeiro, Recreador e Pintura  de Tecidos, oferecidos pela Gestão de São José do Seridó, através do Programa Porta de Saída da Secretaria Municipal do Trabalho, Habitação e Assistência Social (SEMTHAS), em parceria com a EAJ/UFRN.

Os alunos dos cursos de Salgadeiro e Padeiro fizeram doces, pães e salgados maravilhosos para a população degustar, e os Recreadores realizaram diversas brincadeiras com as crianças presentes. Já os alunos do curso de Pintura em Tecido, venderam os todos os panos de prato produzidos, onde a renda total será doada à Casa de Idosos Palácio da Sabedoria.

A prefeita Miúda Goes, prestigiou o evento e parabenizou alunos e professores, além da SEMTHAS pelo emprenho em ofertar a população estes cursos em parceria com a EAJ/UFRN. O Secretário Francisco Touché, que participava da reunião da Comissão Intergestora Bipartite (CIB), parabenizou todos e agradeceu a Supervisora da EAJ Cinthia e  ao Professor João Inácio, por escolher São José do Seridó pra ofertar estes cursos, e finalizou parabenizando a Técnica Simone Santiago e todos que a ajudaram, pelo sucesso que foi os cursos, além de  toda dedicação dos Professores: Edleuza Araújo, Dennis Vale,  Nabi Silvae e Izabel Cristina, pelo qual agradecemos pelo excelente trabalho desenvolvido com nossos alunos, disse o titular da SEMTHAS, Francisco Touché.

Publicado por: Chico Gregorio


15/12/2018
11:30

Resultado de imagem para fotos de cida juliao com francisco do pt em sao jaoa do sabugi

Neste domingo, na cidade de São João do Sabugi, a educadora e uma das prováveis  pré-candidatas a prefeita do município , Cida Julião, receberá o deputado estadual eleito, Francisco do PT, e a deputada federal eleita, Natália Bonavides.  O encontro está programado para às 14 horas da residência do professora Cida,  acontecendo um roda de conversas com filiados do partido dos Trabalhadores, simpatizantes e a juventude e a população em geral.  Na pauta  os resultados das eleições 2018, conjuntura política, situação do Partido  no âmbito municipal e estadual, entre outros.

Com a eleição de Francisco do PT, Natália Bonavides e a governadora Fátima Bezerra, que foram apoiados em São João do Sabugi, por Cida Julião, o nome da educadora passa a ser especulada como um nome a ser trabalhado juntos com outros aliados, para formação da chapa majoritária nas eleições de 2020 na cidade sabugiense, para tentar  vencer o grupo do ex-prefeito Anibal Pereira. Cida tem dito que pretende disputar uma vaga na câmara municipal, mas para observadores, ela poderá compor uma chapa de prefeito ou vice.

Publicado por: Chico Gregorio


15/12/2018
09:48

‘Mais Médicos’: Na PB, apenas 40% dos inscritos se apresentaramApenas 40% dos médicos que se inscreveram para suprir vagas deixadas por profissionais cubanos em cidades da Paraíba, através do Programa Mais Médicos, se apresentaram até esta sexta-feira (14).

Ao Portal MaisPB, a presidente do Conselho dos Secretários Municipais de Saúde da Paraíba, Soraya Galdino, informou que até hoje 52 profissionais já exercem a função. Eles estão distribuídos em todas as regiões do estado. Ao todo, a Paraíba ofertou 129 vagas.

O prazo que acabaria nesta sexta foi estendido pelo Ministério da Saúde. Os profissionais com CRM no Brasil terão até 18 de dezembro para apresentação nas cidades selecionadas. O começo da atuação deve ser estabelecido junto ao gestor local.

Leia no MAIS PB.

Publicado por: Chico Gregorio


15/12/2018
09:33

Via Esmael Morais.

Governo golpista de Temer e o futuro presidente Bolsonaro haviam anunciado o preenchimento de todas as vagas do programa Mais Médicos após saída dos cubanos, fato que não se confirmou. O prazo para que os médicos se apresentassem nos locais de trabalho terminou nesta sexta-feira (15). 3 mil médicos brasileiros que se inscreveram no programa ainda não se apresentaram nos municípios para os quais foram designados.  

Leia mais

Publicado por: Chico Gregorio


15/12/2018
09:25

Durou menos de 48 horas a trégua estabelecida depois que o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), mandou que os integrantes de seu partido parassem de brigar em público. Acusado pelo deputado eleito Alexandre Frota (SP) de abrigar um lobista da indústria de medicamentos na equipe de transição para o novo governo, o futuro ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio (MG), chamou-o de desleal num grupo de mensagens da bancada e depois foi às redes sociais cobrar explicações dele.

Em resposta ao colega, Frota disse nesta sexta (14) que só deve lealdade ao povo e a Bolsonaro. “Quem é leal primeiro aos amigos podem (sic) acabar se envolvendo, ainda que sem conhecimento, em situações embaraçosas com um simples aperto de mão”, escreveu.

Frota atacou o colaborador de Marcelo Antônio na quinta-feira (13), um dia após Bolsonaro pedir moderação aos aliados. “Nada mais desleal com um colega do que tratar questões tão sérias como essa via redes sociais sem antes consultar ou apurar a veracidade dos fatos”, respondeu o mineiro.

Cotado para um cargo no Turismo, Saulo Meira Serra trabalhou no Ministério da Saúde quando o MDB controlava a pasta, no governo Dilma. Após cobrar provas de Frota, Marcelo Antônio disse nesta sexta que o assessor será afastado para que eventuais suspeitas sejam averiguadas.

Ao avaliar os resultados das conversas que Bolsonaro teve com nove bancadas nesta semana, caciques partidários afirmaram que o presidente eleito tem boas intenções, mas ainda não deixou claro quem serão os operadores que o ajudarão a organizar o jogo no Congresso.

Para esses dirigentes, os encontros deixaram claro que o PSL não tem quadros capacitados para a tarefa, o que obrigará o presidente a optar por membros de outros partidos para liderar seus aliados no Legislativo.

O futuro ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM-RS), disse a parlamentares que a movimentação de Joice Hasselmann (PSL-SP) como articuladora do governo eleito incomoda à equipe de Bolsonaro, mas que não sabe como impedi-la.

Folhapress

 

Publicado por: Chico Gregorio


15/12/2018
09:22

POR ANDREIA SADI

Às cinco da tarde do último dia 20 de abril, atletas e celebridades se reuniram para a inauguração da clínica do Dr. Márcio Tannure, chefe do departamento médico do Flamengo e especialista em medicina esportiva. Entre os convidados, o meia Diego, o ex-jogador Zico e o sambista Dudu Nobre.

Um dos destaques da nova clínica era o equipamento de eletroestimulação muscular e, para mostrar como ele funciona, estava ali a personal trainer Nat Queiroz, representando a equipe de Chico Salgado, treinador de celebridades. A mesma Nat aparece em fotos publicadas em redes sociais por artistas como Bruno Gagliasso e Bruna Marquezine.

Nat Queiroz também atende por Nathalia Melo de Queiroz, que entre dezembro de 2016 e outubro deste ano, era secretária parlamentar lotada no gabinete de Jair Bolsonaro na Câmara dos Deputados. A informação de que ela atuava como personal trainer ao mesmo tempo em que estava lotada nos gabinetes foi divulgada pelo site o Antagonista e pela Folha de São Paulo.

O nome de Nathalia se tornou público após ela aparecer no relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) que apontou uma movimentação atípica na conta do pai dela, Fabrício José de Queiroz. Fabrício foi motorista do gabinete de Flávio Bolsonaro até o último mês de outubro.

De acordo com o relatório, Nathalia, que também trabalhava no gabinete de Flávio Bolsonaro, tinha uma renda mensal de R$ 10.502,00 e transferiu, no intervalo de 13 meses, R$ 84.110,00 para uma conta do pai. As informações do Antagonista e da Folha de São Paulo foram confirmadas pelo blog, que obteve mais detalhes.

Em abril, mês da inauguração da clínica, ela ocupava no gabinete de Jair Bolsonaro na Câmara dos Deputados um posto nível SP 20, o que lhe garantia uma renda bruta mensal de R$ 10.088,42, com rendimentos líquidos de R$ 7.733,21.

A função exige pelo menos 40 horas semanais de trabalho, atuando em questões como redação de correspondência, discurso e pareceres do parlamentar, serviços de secretaria e datilográficos, pesquisas e “atividades fins inerentes ao respectivo gabinete”.

O trabalho pode ser feito no estado de onde vem o parlamentar, mas sua frequência é atestada pelo gabinete.

Em entrevista coletiva no último domingo (9), o presidente eleito foi perguntado sobre a função de Nathalia no gabinete e reagiu com irritação. “Ah, pelo amor de Deus! Pergunta para o chefe de gabinete. Eu tenho 15 funcionários comigo”, afirmou na ocasião.

O blog conversou com clientes e empregadores da personal trainer, no Rio de Janeiro. Todos disseram não saber que ela ocupava um cargo no gabinete – alguns até se mostraram chocados com a informação.

Uma cliente que pediu para não ser identificada confirmou ter sido atendida por Nathalia em horário comercial durante algum tempo em 2017 – ela já era secretária parlamentar de Jair Bolsonaro naquele ano. Os atendimentos ocorriam entre 8 e 10 da manhã, mesmo em dias úteis.

Há fotos de Nathalia treinando com clientes no calçadão da praia em redes sociais. Recentemente, Nathalia apagou seu perfil no Instagram.

A personal trainer também aparece em vídeos do aplicativo BTFit, da academia Bodytech, com instruções visuais para exercícios físicos.

De acordo com o Bruno Franco, CEO do BTFit, “Nathalia Queiroz foi uma figurante contratada pela produtora que atendia ao BTFIT. As participações dela foram esporádicas em nossas aulas. Ratificando, ela teve a participação efetivada nos vídeos institucionais através da produtora contratada para realizar as filmagens”.

Na época em que o vídeo foi publicado, Nathalia ainda era lotada no gabinete de Flavio Bolsonaro, na Assembleia Legislativa do Rio.

A Bodytech também confirmou que, entre 2011 e 2012, Nathalia trabalhou como recepcionista em uma das unidades da academia no Rio de Janeiro. Na época, ela já estava lotada no gabinete da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

O blog procurou Nathalia Queiroz, mas ela não retornou o contato da reportagem. O gabinete de Jair Bolsonaro foi procurado e suas respostas serão publicadas aqui quando forem enviadas.

Em nota, a assessoria de Flávio Bolsonaro afirmou que não há “qualquer ilegalidade ou irregularidade” na atuação de Nathalia Queiroz em seu gabinete.

“Ela foi nomeada no gabinete do deputado Flavio Bolsonaro durante o período de 12 de agosto de 2011 a 13 de dezembro de 2016. A descentralização de gabinetes e funcionários sempre foi permitida mediante a aplicação subsidiária de ato da Câmara dos Deputados e, posteriormente, por Ato da Mesa Diretora da própria Alerj”, diz a nota.

G1

 

Publicado por: Chico Gregorio


15/12/2018
09:20

Resultado de imagem para fotos de rogerio marinho com antonio jacome e henrique alves

O presidente diplomado Jair Bolsonaro absorveu os atuais deputados Rogério Marinho e Antônio Jácome, dois dos principais nomes da política potiguar, e garantiu a ambos cargos no alto escalão do Executivo. Ambos foram derrotados nas urnas deste ano.

Rogério Marinho assumirá a Secretaria Especial de Previdência e Emprego, cujo nome ainda está sendo definido. Antônio Jácome será secretário-executivo no Ministério das Mulheres, Família e Direitos Humanos.

A relação dos caciques do estado do nosso estado é grande, o eleitor fez uma verdadeira limpeza nos velhos políticos que ao longo dos anos levaram nosso estado ao atraso, mas veio Bolsonaro, decide aproveitar os que foram reprovados nas urnas  pelos potiguares, o pergunta que se faz, quem será o próximo a  ganhar emprego ?

Publicado por: Chico Gregorio


14/12/2018
16:39

Foi realizado na  cidade de Caicó, o 38º  jantar dos garis organizado pelos jovens que compõem o Capítulo Príncipe do Seridó da Ordem Demolay da cidade de Caicó,  o evento aconteceu  ontem à noite na área de laser da Loja Maçônica Regeneração do Seridó no 1, no bairro Barra Nova.

A imagem pode conter: 1 pessoa, multidão e área interna

Publicado por: Chico Gregorio


14/12/2018
16:20

O TRE acaba de votar pela desaprovação das contas de campanha da senadora eleita Zenaide Maia (PHS).

O juiz Wladimir Capistrano votou pela aprovação com ressalvas, pedindo a devolução de uma doação mil reais já foi feita.

Uma inconsistência nas contas diz respeito a uma doação de 11 mil reais mediante transferência bancária.

Para a defesa de Zenaide, a aprovação seguida de pedido de devolução de dinheiro deu margem à sucessão de votos pela desaprovação como aconteceu com os votos de Glauber Rêgo, André Medeiros, José Dantas e Gustavo Smith.

Para a defesa de Zenaide, o voto determinando devolução de dinheiro bate de frente com o voto do próprio juiz Wladimir, que se posicionou pela aprovação.

A defesa da senadora eleita vai recorrer ao TSE e acredita que as contas serão aprovadas, lembrando que vários processos nesta sexta-feira, com irregularidades maiores ou semelhantes, foram julgados pelo TRE e aprovados.

Com base em precedentes do TRE e do próprio TSE, a defesa de Zenaide entrará com recurso especial.

Publicado por: Chico Gregorio


14/12/2018
12:42

Isso mesmo que você leu na manchete. O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte enviou à Assembleia Legislativa um Projeto de Lei que extingue 230 cargos efetivos cuja entrada exige aprovação em concurso. Em troca serão criadas 120 funções comissionadas.

O argumento é contraditório. A alegação é de que os 230 cargos efetivos estão em aberto por conta de falecimentos, exonerações e aposentadorias e se tornaram desnecessários por conta do processo judicial eletrônico.

Até aí tudo bem.

A contradição se encontra na criação de 120 funções comissionadas de livre nomeação dos magistrados.

Assim serão extintos 30 cargos de Oficial de Justiça, 60   cargos de Auxiliar Técnico, 60 cargos de Técnico Judiciário e 80 cargos de Assistente em Administração.

Via Bruno Barreto.

Publicado por: Chico Gregorio


14/12/2018
12:33

 

Estudo: Seis governadores devem começar mandato com situação fiscal confortável

Dos 27 governadores que tomam posse ou permanecem no cargo a partir de janeiro do ano que vem, seis vão começar o mandato com uma situação fiscal considerada muito boa ou boa.

O tamanho do desafio dos governadores foi mensurado por um estudo realizado pela Tendências Consultorias Integrada. De acordo com o levantamento, apenas os governadores de Amapá, Espírito Santo, Amazonas, Rondônia, Tocantins e Paraíba receberão as contas públicas em boas condições.

A crise fiscal dos governos estaduais tem um impacto perverso e direto na vida do cidadão. São os estados que fornecem boa parte dos serviços básicos para a sociedade como educação, saúde e segurança pública. Hoje, sem folga no orçamento, boa parte das políticas públicas está sendo comprometida e, em alguns estados, o salário de servidores está atrasado.

Pagamento de 13º salário a servidores ainda está indefinido ou atrasado em 5 estados”A situação dos estados é muito complicada”, diz o analista de contas públicas da Tendências, Fabio Klein, e coordenador do estudo. O levantamento teve a participação do economista Marcio Milan, também da Tendências.

Para avaliar a situação fiscal dos estados, os analistas deram notas de 0 a 10 com base em dados do Tesouro Nacional para seis indicadores das contas públicas: endividamento; poupança corrente, liquidez, resultado primário, despesa com pessoal e encargos sociais e investimentos. Cada item recebeu um peso diferente e, em seguida, foi feita uma média para cada unidade da federação.

Leia mais no G1

Publicado por: Chico Gregorio